Cruzeiro vence mais uma na Sul-Minas

O Cruzeiro confirmou sua liderança na Copa Sul-Minas, ao vencer o Paraná Clube, por 2 a 0, nesta quarta-feira à noite, no Estádio Durival de Britto e Silva, em Curitiba. Com 26 pontos, o time está próximo de conseguir a classificação para a próxima fase. O Paraná, que saiu vaiado de campo, poderá chegar ao máximo de 25 pontos e, segundo as projeções matemáticas, não tem mais condições de se classificar. Expulso, aos 29 minutos do segundo tempo, Leandro Alves, do Paraná Clube, ficou apenas um minuto em campo, enquanto Alessandro, do Cruzeiro, jogou somente 30 segundos. O Paraná tentou armar a primeira jogada ofensiva, assim que o juiz iniciou a partida, mas os jogadores não souberam segurar a bola no ataque e permitiram um contra-ataque bastante rápido para o Cruzeiro, que terminou nos pés de Jorge Wagner. O jogador chutou por cima do goleiro Neneca para abrir o placar. Com uma boa marcação no meio-de-campo, o Cruzeiro não se aventurava muito ao ataque e também segurava o ímpeto do Paraná Clube que passou a viver de lances isolados, sem perigo para o goleiro Jefferson. Com a necessidade de ganhar o jogo, o Paraná voltou melhor para o segundo tempo, tentando tocar a bola para chegar ao gol adversário. O Cruzeiro recuou ainda mais, procurando apenas a velocidade de Joãozinho e Edílson para os contra-ataques. Aos 20 minutos, o técnico Paulo Bonamigo retirou o lateral Fabinho para a entrada de Luciano e o time ficou sem opções de jogo pelas laterais, congestionando o meio-de-campo, e fazendo o jogo que o Cruzeiro queria. Aos 38 minutos, os jogadores mineiros recuperaram uma bola no meio-de-campo e, com velocidade, ela chegou a Edílson, que marcou o segundo gol.

Agencia Estado,

20 Março 2002 | 23h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.