Leonardo Benassatto/Reuters
Leonardo Benassatto/Reuters

David Braz prevê Santos forte na marcação e poucas chances de gol contra Ponte

Time santista tem a segunda melhor defesa e o campineiro luta para fugir da zona de rebaixamento; jogo é na quinta-feira

Estadao Conteúdo

09 Outubro 2017 | 17h11

O zagueiro David Braz, do Santos, espera encontrar uma forte marcação na partida desta quinta-feira, às 17 horas, contra a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), pela 27.ª rodada do Campeonato Brasileiro - o time santista tem a segunda melhor defesa (16 gols sofridos) e o campineiro luta para fugir da zona de rebaixamento. Por esse motivo, o jogador prevê uma partida equilibrada e com poucas chances de gol para ambos os lados.

Dorival confirma Gómez no lugar de Cueva e conta com Rodrigo Caio

Cavalieri admite chateação com período na reserva, mas vê aprendizado

"A Ponte é uma equipe que marca muito bem as equipes que estão brigando lá na frente. A gente acompanhou contra o Flamengo, eles marcaram muito forte. Temos que fazer a mesma coisa. Vai ser um jogo muito equilibrado, com poucas chances de gol por conta das duas equipes marcarem forte. Vamos trabalhar para poder neutralizar a Ponte", projetou o defensor em entrevista coletiva nesta segunda-feira no CT Rei Pelé, em Santos.

No entanto, David Braz ressalta que a equipe santista precisa ter cautela para não tropeçar nos jogos contra equipes que lutam na parte debaixo da tabela de classificação, como ocorreu na temporada passada, quando o Santos perdeu pontos importantes na reta final do Brasileirão - quando disputava o título com o Palmeiras - diante de adversários teoricamente mais fracos.

"Que a gente possa usar o que aconteceu no ano passado para não acontecer nesse ano. Sabemos da dificuldade porque essas equipes trazem muitas dificuldades para os times que estão lá em cima. Já aconteceu nesse campeonato. É uma coisa que o futebol brasileiro está acostumado com pontos corridos nem sempre os que estão na frente vão estar ganhando. Temos que estar atentos para conseguir o nosso objetivo", frisou o zagueiro.

O elenco do Santos treinou nesta segunda-feira. A novidade na equipe que enfrentará a Ponte Preta deverá ser o retorno do meia Lucas Lima, que não atua desde o primeiro jogo contra o Barcelona, em Guayaquil, no Equador, pelas quartas de final da Copa Libertadores, devido a uma lesão muscular.

O Santos é atualmente vice-líder do Brasileirão com 47 pontos, oito atrás do Corinthians. A equipe santista mantém um ponto à frente do Grêmio, terceiro colocado da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.