Derrota não muda filosofia do Azulão

Mais uma decepção na final, outra vez o São Caetano é vice-campeão. Mas o presidente do clube, Nairo Ferreira de Souza, garante que a filosofia do clube não vai mudar nos próximos meses. ?Vamos continuar a nossa política, que é buscar jogadores que não tenham renome e se encaixem na nossa filosofia de trabalho. Jogadores que saiam de time onde ganham R$ 100 mil e venham aqui ganhar R$ 30 mil, com a consciência de que aqui o mês terá 30 dias.? Leia mais no Jornal da Tarde

Agencia Estado,

01 Agosto 2002 | 09h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.