Regis Duvignau/Reuters
Regis Duvignau/Reuters

Deschamps renova contrato e comanda seleção francesa até 2020

Técnico assumiu na vaga de Laurent Blanc depois da Eurocopa de 2012

Estadão Conteúdo

31 Outubro 2017 | 15h46

O técnico Didier Deschamps renovou nesta terça-feira o seu contrato com a seleção francesa de futebol. O treinador firmou compromisso por mais dois anos e deve permanecer na equipe até o final da Eurocopa de 2020.

+ Saiba tudo sobre a Copa da Rússia

Deschamps assumiu o time nacional francês na vaga de Laurent Blanc depois da Eurocopa de 2012. Ele levou a equipe até as quartas de final da Copa de 2014, no Brasil, onde acabou eliminado pela Alemanha, que ficaria com o título.

Sob o comando do treinador, a França também foi vice-campeã da Eurocopa de 2016. Perdeu a decisão para Portugal por 1 a 0. A seleção, no entanto, se renovou com Deschamps no comando e já está garantida na Copa do Mundo da Rússia de 2018. A França terminou as Eliminatórias Europeias como líder do Grupo A.

"Nos reunimos na última semana para continuar o trabalho por mais dois anos. Chegamos a uma conclusão nesta manhã", comentou o presidente da Federação Francesa de Futebol, Noel Le Graet.

"Não foram as questões financeiras que definiram o acordo, mas uma relação de confiança mútua. O dinheiro nem entrou na discussão. Diversos clubes da Europa poderiam oferecer muito mais a ele", prosseguiu o dirigente.

Deschamps, de 49 anos, desde que assumiu a seleção francesa tem apostado na nova geração do futebol do país. Desde a Eurocopa de 2016, nomes como o de Kylian Mbappé, de 18 anos, e Ousmane Dembelé, de 20, passaram a ter oportunidades de vestir a camisa da seleção francesa.

Deschamps também defendeu as cores da França e esteve presente naquela fatídica decisão da Copa do Mundo de 1998 para o Brasil. Na ocasião, Zidane acabou com a seleção brasileira e levou a França ao título em uma vitória por 3 a 0, em solo francês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.