Diego Cavalieri prevê clássico 'difícil' contra o Botafogo pela Taça Rio

'Será uma partida com chances para os dois times', afirma goleiro do Fluminense

Estadao Conteudo

20 Março 2017 | 18h38

O goleiro Diego Cavalieri, do Fluminense, deixa para trás a derrota por 3 a 1 para o Nova Iguaçu, neste domingo, no estádio Giulite Coutinho, em Mesquita, e projeta uma partida aberta e difícil contra o Botafogo, válida pela Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca.

O jogador prevê que o chamado "Clássico Vovô" será equilibrado, com chances para as duas equipes. "Vai ser um espetáculo bonito. Creio que será uma partida com chances para os dois times, já que ambos buscam bastante a posse de bola e o ataque", disse, em declarações reproduzidas nesta segunda-feira pelo site oficial do Fluminense.

Cavalieri elogiou a fase dos dois clubes, que ainda não se encontraram em 2017. "Enfrentaremos uma equipe com muitos jogadores de qualidade, que vive um bom momento, assim como o nosso time", ressaltou.

O Flu tem reapresentação marcada para às 10 horas desta terça, quando inicia os trabalhos para o clássico, às 21h45 da próxima quinta-feira, no Engenhão. Para o confronto, a equipe tricolor não contará com o volante Orejuela, que estará com a seleção do Equador na disputa das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo da Rússia. Além do Botafogo, o equatoriano também não enfrentará Macaé e Madureira, todos jogos válidos pela Taça Rio.

Ao ser derrotado pelo Nova Iguaçu com um time quase todo reserva no último domingo, o Flu perdeu uma invencibilidade de oito jogos no campeonato. O time foi campeão da Taça Guanabara - primeiro turno do Estadual - após vencer o rival Flamengo na final, depois de empate no tempo normal e triunfo nas penalidades.

Mais conteúdo sobre:
Fluminense futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.