1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

Dilma 'inaugura' Arena da Baixada e encerra visita a estádios da Copa

Carla Araújo e Eduardo Bresciani - Agência Estado

09 Maio 2014 | 18h 21

Funcionários do Atlético-PR brincaram com a presidente por ela vestir terno da cor do rival Coritiba

CURITIBA - A presidente Dilma Rousseff visitou no final da tarde desta sexta-feira a Arena da Baixada, estádio de Curitiba que receberá quatro jogos da Copa do Mundo. Assim, ela completou a turnê por todas as 12 sedes do Mundial, depois de passar pelas arenas recém-construídas ou reformadas, quando elas foram ficando prontas, para conhecer de perto as instalações.

Além de conhecer as instalações e de andar pelo gramado, a presidente fez nesta sexta-feira uma vistoria no entorno da Arena da Baixada, um dos estádios mais atrasados para a Copa - ainda passa pelas últimas obras. Durante a visita, Dilma também posou para fotos com operários e recebeu uma faixa e uma camisa do Atlético-PR com o seu nome.

Dilma também visitou os camarotes, as arquibancadas e o gramado da Arena da Baixada e posou para diversas fotos com operários e funcionários do clube rubro-negro. Funcionários do clube brincaram com a presidente por usar um terno com a cor verde, do Coritiba. O presidente do Atlético Paranaense, Mário Celso Petraglia, presenteou Dilma com uma camiseta do clube com o número 13 e o nome dela. A presidente ficou cerca de 20 minutos no estádio.

Antes de visitar o reformado estádio do Atlético-PR, Dilma também passou pelo Maracanã (Rio), Mineirão (Belo Horizonte), Castelão (Fortaleza), Fonte Nova (Salvador), Arena Pernambuco (Recife), Estádio Nacional (Brasília), Arena das Dunas (Natal), Arena Amazônia (Manaus), Arena Pantanal (Cuiabá), Beira-Rio (Porto Alegre) e Itaquerão (São Paulo).

No caso da Arena da Baixada, o atraso nas obras fez com que o estádio chegasse a sofrer a ameaça de ser excluído pela Fifa e não ser mais sede da Copa, mas a reforma foi finalizada a tempo. Assim, o local passará por evento-teste oficial na próxima quarta-feira, com o amistoso entre Atlético-PR e Corinthians - será com público reduzido.

No dia 29 de março, quando ainda estava em obras, a Arena da Baixada passou por um primeiro teste, ao ser palco de um jogo-treino entre Atlético-PR e J. Malucelli que terminou sem gols. Na ocasião, apenas 10 mil dos 43 mil lugares do estádio foram liberados para o público. Agora, porém, será um evento-teste oficial, seguindo parâmetros da Fifa.

Na Copa do Mundo, a Arena da Baixada receberá quatro jogos, todos válidos pela primeira fase. Em 16 de junho, terá Irã x Nigéria. Depois, no dia 20, o confronto será entre Honduras e Equador. Já no dia 23 acontecerá a partida entre a Austrália e a atual campeã Espanha. E, por fim, o estádio em Curitiba será palco de Argélia x Rússia no dia 26.

Copa 2014