Alessandro Di Marco/EFE
Alessandro Di Marco/EFE

Douglas Costa marca, mas Juve leva virada da Lazio com 2 gols de Immobile

Dybala desperdiçou um pênalti aos 51 minutos da etapa final

Estadão Conteúdo

14 Outubro 2017 | 15h34

A Juventus decepcionou - e muito - sua torcida neste sábado. Mesmo depois de abrir o placar com o brasileiro Douglas Costa, em Turim, a hexacampeã italiana levou a virada da Lazio e perdeu por 2 a 1. O atacante Ciro Immobile marcou os dois gols do time visitante.

E a decepção foi ainda maior para o torcedor de Turim porque, já aos 51 minutos do segundo tempo, após consulta ao árbitro assistente de vídeo, a Juventus teve a chance do empate em cobrança de pênalti. Mas o atacante argentino Dybala bateu mal e o goleiro Thomas Strakosha defendeu.

Com o resultado no jogo válido pela oitava rodada do Campeonato Italiano, as duas equipes ficaram empatadas com 19 pontos - assim como a Inter de Milão - e estão atrás apenas do Napoli, líder que soma 21 e joga ainda neste sábado contra a Roma.

Mesmo jogando em casa, a Juventus fazia um início moroso quando, aos 23 minutos, após cruzamento rasteiro pela esquerda, Khedira chutou de primeira e Strakosha fez grande defesa. No rebote, com o gol aberto, Douglas Costa só empurrou para as redes. Foi o primeiro gol do brasileiro com a camisa do clube italiano.

Acuada após sofrer o primeiro, a Lazio se perdeu em campo e viu a Juventus desperdiçar chances sucessivas até o intervalo. No primeiro lance da etapa final, porém, o meia-atacante espanhol Luiz Alberto deu bom passe e Immobile marcou o gol de empate. E, apenas sete minutos depois, em pênalti sofrido por ele próprio, o atacante converteu a cobrança e assegurou a virada.

Era, então, o jogo de Dybala. Para o bem e para o mal. Aos 45, da entrada da área, ele chutou colocado e acertou a trave. E, já aos 51, depois do árbitro, com o auxílio do assistente de vídeo, confirmar pênalti de Patric em Bernardeschi, o atacante bateu à meia-altura e facilitou a defesa de Strakosha, assegurando o bom triunfo da Lazio. O erro também deixou Immbolile isolado na artilharia do Italiano com 11 gols, um a mais do que o argentino.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.