Daniel Teixeira|Estadão
Daniel Teixeira|Estadão

Dudu pede para torcida ter paciência com o técnico do Palmeiras

Capitão da equipe sai em defesa do treinador Eduardo Baptista

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

16 Fevereiro 2017 | 21h53

O atacante e capitão Dudu, do Palmeiras, saiu em defesa do técnico do time, Eduardo Baptista, ao fim da vitória desta quinta-feira por 2 a 0 sobre o São Bernardo, pelo Campeonato Paulista, no Allianz Parque. O autor do primeiro gol do jogo fez questão de comemorar o lance ao abraçar o treinador e disse na saída de campo que o time tem procurado ajudar o comandante para aliviar a pressão da torcida.

Quando a partida estava 0 a 0, alguns torcedores gritaram o nome do antecessor de Baptista, Cuca, e chegaram a vaiar o time. "O Eduardo é um cara bacana, gente boa, gosta do que faz. Estamos procurando ajudá-lo. Sabemos da pressão que ele vai sofrer por substituir um campeão brasileiro. Tenho certeza de que ele vai fazer um bom trabalho no Palmeiras", afirmou Dudu.

O atacante abriu o placar aos 19 minutos da etapa final, ao completar cruzamento do lateral Jean, que fechou o placar aos 32, de pênalti. O resultado foi a segunda vitória do Palmeiras em três rodadas na competição e reabilitou o time depois da derrota por 1 a 0 sobre o Ituano, no último domingo, no Novelli Junior.

Ao longo daquela partida, o nome de Cuca permaneceu entre os assuntos mais comentados no Twitter. A insatisfação da torcida com o começo de trabalho de Baptista levou Dudu a fazer um pedido. "A gente pede para a torcida ter paciência com ele. Ainda é o início. O time aos poucos vai melhorar. Tem muito jogador novo no time. A equipe vai encaixar", disse o capitão, que se recusou a vibrar no gol. "Estava chateado que nosso time não estava fazendo gol. A bola não entrada. A gente não acertava o último passe", afirmou.

O Palmeiras volta aos treinos na tarde desta sexta-feira, na Academia de Futebol. O próximo compromisso será no domingo à tarde, em Araraquara, contra o Linense, também pelo Campeonato Paulista.

 

Mais conteúdo sobre:
Futebol Palmeiras Campeonato Paulista

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.