Elias e Robinho cobram atenção no Atlético-MG contra Paraná

Times se enfrentam nesta quarta-feira pela Copa do Brasil

Estadao Conteudo

23 Maio 2017 | 17h10

O volante Elias e o atacante Robinho frisaram, em entrevista coletiva nesta terça-feira, a necessidade de o Atlético Mineiro ter atenção total no jogo contra o Paraná, nesta quarta, às 21h45, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, pelas oitavas de final da Copa do Brasil para, desta forma, garantir uma boa vantagem no jogo da volta, em Belo Horizonte.

"É um torneio curto em que você não pode errar muito. São duas partidas e é preciso estar atento nas duas. Se em um jogo acontecer o que aconteceu contra o Fluminense (diante do Grêmio, em Porto Alegre), levar dois gols em cinco minutos, a gente pode estar eliminado. Então, não pode sair do jogo nenhum momento, tem que estar sempre atento para poder trazer a decisão para casa", destacou Elias.

O jogador atleticano também ressaltou a atual fase da equipe adversária, que não vence um campeonato estadual há 11 anos (a última conquista ocorreu em 2006) e está fora da Série A do Brasileirão desde 2007 (ano em que disputou também a Copa Libertadores).

"O Paraná, há muito tempo, não tem um grande evento assim, jogar contra uma grande equipe, em uma oitavas de final. Acho que é um momento importante para a história deles e temos consciência disso. É por isso que a gente vai para lá com a máxima concentração possível, o máximo respeito para tentar fazer um grande jogo e trazer uma vantagem boa para o jogo de volta", completou Elias.

Robinho, que comemorou o retorno aos gramados depois de ter desfalcado o time mineiro no último fim de semana - derrota para o Fluminense, no estádio Independência -, seguiu a linha de pensamento companheiro. O atacante demonstrou alegria por voltar à equipe, mas enfatizou o grau de dificuldade do duelo contra os paranaenses.

"Estou feliz por voltar. Acabei ficando fora do último jogo porque tive um desconforto muscular, devido à intensa maratona de jogos. Na Copa do Brasil, são sempre dois jogos difíceis. Fora de casa, a gente sabe que tem que jogar para ganhar, mas sabendo que é importante não perder e não voltar com um resultado muito ruim porque ainda terá o jogo de volta. São dois jogos, não se decide tudo lá agora", projetou Robinho.

O elenco atleticano treinou nesta manhã no CT da Cidade do Galo, em Vespasiano, na região metropolitana de Belo Horizonte. A atividade encerrou a preparação para o embate contra o Paraná. A delegação viaja ainda nesta quarta para Curitiba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.