1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail
Futebol Internacional

Em crise financeira, Valencia anuncia saída de técnico da equipe

Juan Antonio Pizzi, que chegou ao clube em dezembro, foi demitido após seis meses no cargo e a 12 meses do término do contrato

O Valencia, equipe da primeira divisão espanhola, anunciou nesta quarta-feira em seu site oficial a demissão do técnico argentino Juan Antonio Pizzi, que chegou ao clube em dezembro e cujo contrato ainda tinha validade de um ano.

O conselho de administração do clube revelou em comunicado à imprensa que "tomou esta decisão ante o prolongamento do processo de venda do Valencia por motivos alheios à gestão do clube, e com a finalidade de proporcionar estabilidade ao futuro projeto desportivo da equipe". O time espanhol passa há algum tempo por uma grave crise financeira devida ao tamanho da dívida que possui.

O clube ressaltou que tanto Pizzi quanto seu corpo técnico "desenvolveram com profissionalismo e aplicação seu trabalho na agremiação". Antes de chegar ao Valencia, Pizzi treinou equipes da Argentina, Peru e Chile e, ainda como jogador, chegou a defender a seleção espanhola após conseguir dupla nacionalidade.

Com Pizzi, clube terminou o Campeonato Espanhol na nona colocação
Com Pizzi, clube terminou o Campeonato Espanhol na nona colocação

Envolto em problemas financeiros, o Valencia foi apenas o nono colocado do último Campeonato Espanhol, no qual somou apenas 13 vitórias em 38 jogos disputados.

Futebol Internacional