WILTON JUNIOR/ESTADAO
WILTON JUNIOR/ESTADAO

Em helicópteros, jogadores da seleção começam a se apresentar na Granja Comary

CBF fretou aeronaves para levar atletas a Teresópolis

Marcio Dolzan, enviado especial a Teresópolis, O Estado de S.Paulo

02 Outubro 2017 | 11h02

Parte do grupo da seleção brasileira já está na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), para se preparar para os dois últimos jogos do Brasil pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo. Na manhã desta segunda-feira, 16 dos 24 jogadores convocados são esperados pelo técnico Tite. O grupo ficará completo apenas na terça-feira.

A maior parte dos jogadores está chegando ao CT da seleção brasileira em helicópteros fretados pela CBF. Os goleiros Ederson e Cássio, zagueiro Jemerson, os volantes Renato Augusto, Paulinho e Fernandinho, os meias William e Arthur, e os atacantes Neymar, Diego Tardelli e Gabriel Jesus foram os primeiros atletas que chegaram ao CT por via aérea.

Para o primeiro treino do grupo, marcado para 15h30, Tite deverá contar com Neymar, Jemerson, Jorge, Diego Tardelli, Gabriel Jesus, Fernandinho, Paulinho, Arthur, Cássio, Ederson, William, Neymar, Marquinhos, Thiago Silva, Daniel Alves, Renato Augusto e Danilo. Casemiro, Fred, Philippe Coutinho e Roberto Firmino são esperados ainda nesta segunda-feira, mas não participarão do treino.

Na terça-feira, Tite terá o elenco completo com a chegada de Alisson, Alex Sandro, Miranda e Diego, que na noite desta segunda joga pelo Flamengo pelo Campeonato Brasileiro.

Como tem sido costume nas Eliminatórias, o Brasil fará apenas três atividades antes do primeiro jogo. A seleção encara a Bolívia em La Paz na quinta-feira, mas não fará nenhum treino em solo boliviano. O elenco viaja em voo fretado na quarta-feira e ficará concentrado em Santa Cruz de la Sierra até horas antes da partida. A intenção é diminuir os efeitos da altitude de 3.600 metros da capital boliviana.

Na sequência, a seleção viajará para São Paulo, onde vai enfrentar o Chile, na próxima terça-feira, no Allianz Parque, pela rodada final das Eliminatórias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.