Gilvan de Souza/Flamengo
Gilvan de Souza/Flamengo

Em recuperação de contusão, Réver volta aos treinos no Flamengo

Zagueiro sofreu uma lesão no ligamento colateral medial do joelho direito

Estadão Conteúdo

13 Novembro 2017 | 22h02

Um dia depois de o Flamengo ser derrotado pelo Palmeiras por 2 a 0, no Allianz Parque, em São Paulo, o time carioca iniciou na tarde desta segunda-feira, no CT Ninho do Urubu, os treinamentos visando a partida contra o Coritiba, quinta, às 20 horas, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela 35ª rodada do Brasileirão.

+ Corinthians negocia com o Flamengo mudar local do jogo para o Maracanã

A principal novidade da atividade foi a presença do zagueiro Réver, que iniciou o trabalho de transição para o gramado em seu processo de recuperação de uma lesão no ligamento colateral medial do joelho direito, sofrida em clássico contra o Fluminense, no último dia 25 de outubro, pela Copa Sul-Americana.

Réver trabalhou sob a supervisão do fisioterapeuta Fred Manhães, mas ainda não se sabe quando ele poderá voltar a atuar. Após a lesão e realizar exames, o departamento médico do clube concluiu, no final do mês passado, que ele poderia se recuperar por meio de um tratamento conservador, sem ser submetido a uma cirurgia.

O defensor se lesionou após uma divida com Marcos Junior, que naquela ocasião foi punido pela arbitragem com um cartão amarelo. Sem Réver, o técnico Reinaldo Rueda também optou por não utilizar o experiente zagueiro Juan na partida contra o Palmeiras, no último domingo, quando Rafael Vaz foi escalado como titular.

Na luta por uma vaga na Copa Libertadores de 2018, o Flamengo ocupa hoje a sétima posição do Campeonato Brasileiro, com 50 pontos, um atrás do Botafogo, o sexto colocado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.