1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

EUA e Gana jogam por sobrevivência em grupo complicado

Felipe Corazza - Enviado especial a Natal - O Estado de S. Paulo

15 Junho 2014 | 22h 00

Sem medo de Alemanha e Portugal, estrelas da chave, times se encontram na Arena das Dunas, às 19 horas, na estreia

Gana e EUA estreiam na Copa do Mundo, às 19 horas desta segunda-feira, na Arena das Dunas, em Natal. O jogo terá torcedores ilustres: os vice-presidentes dos EUA, Joe Biden, e de Gana, Kwesi Amissah-Arthur, estarão na tribuna para ver seus representantes em campo.

Sem uma de suas estrelas, Landon Donovan, excluído da convocação pelo técnico Jurgen Klinsmann, a seleção dos EUA fez um treino de reconhecimento no gramado. Antes da atividade, o técnico alemão e os jogadores Michael Bradley e o capitão Clint Dempsey falaram à imprensa. Klinsmann dispensou a ideia de que o jogo seja uma “revanche” pelas derrotas sofridas pelos EUA contra Gana em duas oportunidades em Copas do Mundo. “Estamos cheios de confiança. Gana é um time cheio de talentos individuais e será um desafio de verdade, mas estamos confiantes.”

Dolores Ochoa/AP
Michael Bradley assumiu o papel de protagonista da seleção americana

A chuva em excesso provocou inundações e deslizamentos nos últimos dias em Natal. O clima, disse o técnico, não pode ser problema. “Não importa se estiver chovendo, nevando, calor. Não importa. Quaisquer que sejam as circunstâncias, vamos incorporá-las e fazer (o time) funcionar.”

O camisa 4 Bradley virou o ponto de apoio do time já que o treinador deixou Donovan – o maior astro do futebol no EUA – fora da Copa. Bradley disse que o time gosta da dificuldade que o grupo irá impor, com Alemanha e Portugal. “Gostamos da pressão de jogar uma Copa do Mundo. Sabemos que não será fácil, mas sentimos que quando pisarmos no campo, se estivermos afiados e jogando o melhor, podemos ganhar.” 

No fim da tarde, Gana chegou à Arena para treinar. O capitão Asamoah Gyan, grande esperança de gols da equipe, disse que, assim como os americanos, o time de Gana evoluiu e tem pretensões altas. “Há pressão, mas às vezes ela é boa. Acreditamos em nós mesmos, estamos confiantes na classificação”.

O técnico James Appiah, que disputou a Copa Africana das Nações de 1992 como zagueiro, foi mais corajoso na avaliação: “Se você vai à Copa e tem medo de encontrar times como Brasil ou Alemanha, não faz sentido nem se classificar”. Appiah não acha que o time seja mais dependente apenas da velocidade e de lances individuais. “Nosso futebol amadureceu bastante.” 

GANA X EUA

GANA - Dauda; Afful, Boye, Mensah e Kwadwo; Rabiu, Muntari, Waris, Boatend e André Ayew; Asamoah Gyan. Técnico: Kwesi Appiah

EUA - Howard; Johnson, Besler, Cameron e Beasley; Bedoya, Beckerman, Jones e Bradley; Dempsey e Altidore. Técnico: Jurgen Klinsmann

JUIZ - Jonas Eriksson (SUE)

LOCAL - Arena das Dunas

HORÁRIO - 19 horas

TRANSMISSÃO - Globo, ESPN Brasil, Band, SporTV, Bandsports e Fox Sports

Copa 2014