1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail
Futebol Internacional

Federação chilena processa ex-presidente e Sampaoli pode depor

- Atualizado: 03 Fevereiro 2016 | 19h 27

Sergio Jadue está envolvido no escândalo de corrupção do futebol

A Associação Nacional de Futebol Profissional do Chile (ANFP) anunciou nesta quarta-feira que irá entrar com um processo contra seu ex-presidente Sergio Jadue. Trata-se de mais um capítulo na crise política da entidade, que viu seu ex-comandante envolvido em um sério escândalo de corrupção.

"Nós detectamos fraudes por abuso de confiança, enquanto se desviou dinheiro, não se deu o destino natural que deveria se dar e há casos também de apropriação por parte de Jadue", garantiu o advogado da ANFP, Hugo Rivera. "Podemos chegar a determinar que houve lisa e claramente casos de furto em algumas situações."

Sergio Jadue foi recepcionado por policiais no aeroporto de Santiago antes de renunciar ao cargo de presidente da Federação Chilena

Sergio Jadue foi recepcionado por policiais no aeroporto de Santiago antes de renunciar ao cargo de presidente da Federação Chilena

Ex-vice-presidente da Conmebol, Jadue renunciou ao cargo e à presidência da ANFP em novembro do ano passado, quando se entregou às autoridades dos Estados Unidos e admitiu ser culpado no caso relacionado com subornos na venda de direitos comerciais de alguns torneios de futebol.

Segundo a entidade chilena, Jadue é culpado de furtar dinheiro da associação, além de ter realizado um pagamento irregular ao ex-técnico da seleção, Jorge Sampaoli. Até por isso, a tendência é que o treinador, que pediu dispensa do cargo há duas semanas e inclusive bancou parte de uma milionária multa rescisória para isso, seja chamado para depor.

Substituto de Jadue na presidência, Arturo Salah, eleito no mês passado, já admitiu que o momento político do futebol chileno é bastante complicado. Além do ex-comandante, a ANFP também entrou com processo contra diversos ex-dirigentes, acusados de não retornar salários indevidos.

Futebol Internacional
Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em EsportesX