Reprodução/ Instagram/ erroriarbitrali
Reprodução/ Instagram/ erroriarbitrali

Federação mantém suspensão de dois jogos de holandês da Roma por cavar pênalti

Strootman cometeu o ato durante o clássico com a Lazio

Estadao Conteudo

04 Maio 2017 | 12h38

A Roma não poderá mesmo contar com o meia Kevin Strootman nas importantes partidas contra Milan e Juventus, ambas pelo Campeonato Italiano. Foi o que ficou definido nesta quinta-feira, quando o clube não teve êxito no recurso contra a suspensão de dois jogos imposta ao atleta holandês por atitude considerada antidesportiva.

O tribunal de apelações da Federação Italiana de Futebol rejeitou a ação da Roma, que perdeu Strotman pelos próximos dois jogos, punido por ter simulado uma falta, que rendeu para a sua equipe um pênalti no clássico do último domingo contra a Lazio e que agora a levará a jogar sem o holandês.

A Roma perdeu a partida por 3 a 1, mas conseguiu um empate parcial por 1 a 1 após Daniele de Rosi converter o pênalti marcado pela arbitragem. Aos 44 minutos do primeiro tempo do clássico, Strootman foi lançado na área da Lazio, quando o placar. Após dominar a bola, caiu no chão diante da tentativa do brasileiro Walace de lhe tirar a posse. As imagens da TV mostram que o zagueiro, no entanto, sequer tocou no tornozelo do holandês, mas o árbitro errou e marcou o pênalti.

Uma derrota da Roma para o Milan no próximo domingo poderá dar o título para a Juventus, caso a equipe de Turim vença o seu clássico local contra o Torino, que será disputado neste sábado. Na semana seguinte, será a vez de a Roma receber a Juventus. A distância entre os times na classificação do Campeonato Italiano é de nove pontos, com quatro rodadas restantes.

Mais conteúdo sobre:
futebol Roma Clube de Futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.