Fifa apóia evento da Petrobras

A Petrobras vai patrocinar a 1º Copa Mundial de Futebol de Empresas Petrolíferas programada para a primeira semana de setembro. Segundo nota distribuída pela Petrobras no início da noite, o evento contará com o apoio da Federação Internacional de Futebol (Fifa). Hoje o presidente da Petrobras, Francisco Gros, e o presidente de honra da Fifa, João Havelange, assinaram contrato de patrocínio para o evento que será organizado durante o 17º WPC - World Petroleum Congress. As equipes serão formadas por empregados de empresas de petróleo do mundo todo, que disputarão, no Rio de Janeiro, partidas de futebol, no período de julho a setembro deste ano. O jogo final da Copa será realizado no dia 4 de setembro, à noite, no Maracanã, como preliminar de uma partida com fins beneficentes organizada pela FIFA. Segundo a nota da Petrobras, caso o Brasil seja o Campeão da Copa do Mundo 2002, o jogo principal será entre a Seleção Brasileira de Futebol e um combinado de seleções nacionais de vários países. Se outro país vencer a Copa do Mundo, a partida será entre a seleção campeã e a Seleção Brasileira de Futebol. O objetivo do contrato de patrocínio é promover a integração, através do esporte, das empresas de petróleo que participarão do 17º WPC.

Agencia Estado,

27 Março 2002 | 20h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.