1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Fifa estuda adotar Caminho do Gol nas próximas Copas

ELDER OGLIARI - Agência Estado

02 Julho 2014 | 17h 47

A Fifa produziu um documentário sobre o "Caminho do Gol" e, depois da Copa do Mundo, vai avaliar a iniciativa de Porto Alegre, podendo até adotá-la ou recomendá-la para cidades que venham a sediar jogos nas próximas edições do evento. A informação foi divulgada pelo prefeito da capital gaúcha durante divulgação dos números da Copa do Mundo. "Ouvi isso de dirigentes da entidade", revelou José Fortunati (PDT).

O "Caminho do Gol" foi um trajeto demarcado, exclusivo para pedestres, do Largo Glênio Peres ao estádio Beira-Rio, pelas avenidas Borges de Medeiros e Padre Cacique, nos dias de jogos da Copa na capital gaúcha. Ao longo dos 3,5 quilômetros, os visitantes encontravam serviços consulares, atividades culturais como shows de música, teatro, circo e dança, rede wi-fi gratuita e 80 barracas de lanches. Pessoas com alguma dificuldade de locomoção eram servidas por oito carros elétricos no

Caminho.

Ao saber da via exclusiva, muitos torcedores passaram a se concentrar na praça central e a caminhar juntos até o estádio. Os holandeses promoveram a maior festa, caminhando em grande bloco para o estádio, cantando e até "arrastando" outros torcedores pela simpatia. Mesmo pessoas que não iam aos jogos entravam na caminhada para confraternizar com os visitantes.

A ideia, sugerida por dois técnicos da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), pode se estender para outras Copas e também para outros jogos em Porto Alegre. Fortunati revelou que tem recebido pedidos da população para adotá-la também em grandes jogos do campeonato brasileiro tanto em direção à Arena do Grêmio, na zona norte, como ao Beira-Rio, do Internacional, na zona sul. O maior

problema, nesse caso, seria a possibilidade de conflitos entre torcidas organizadas, sobretudo em dias de Gre-Nal. "Vamos estudar a situação, mas é certo que não podemos nos dobrar aos violentos", comentou o prefeito. "Isso pode beneficiar não só os torcedores, mas toda a cidade".

MAIS ATIVIDADES - Segundo Fortunati, o sucesso do "Caminho do Gol" e da Fan Fest, que atraiu 320 mil pessoas até terça-feira e prossegue até o final da Copa, mostraram que a população de Porto Alegre quer mais atividades ao ar livre. "Basta que propiciemos espetáculos com segurança", acredita o prefeito, prometendo que o poder público fará isso.

A questão da segurança gerou uma reivindicação de Fortunati aos candidatos ao governo do Estado. Durante a Copa, os estrangeiros estiveram envolvidos em 89 ocorrências policiais, número considerado

baixo, em crimes como furtos e algumas agressões. Ações mais ousadas possivelmente tenham sido inibidas pela presença de 2 mil policiais militares deslocados do interior para a capital e que agora estão voltando às suas cidades. "Gostaria que os candidatos fizessem um debate sério sobre como recolocar dois mil brigadianos (policiais militares) em Porto Alegre", ressaltou Fortunati.

Segundo levantamento da prefeitura, com informações de consulados, Porto Alegre recebeu 150 mil turistas de 74 países durante o período em que sediou jogos da Copa do Mundo. Os maiores fluxos foram de argentinos, australianos, argelinos, alemães, franceses e holandeses. Mas também apareceram nos postos de informação viajantes procedentes de países que não estavam na Copa, como da Namíbia, Ucrânia, Filipinas, Síria, Iêmen e Myanmar, entre outros. Os serviços municipais de saúde atenderam 1.070 pessoas que estavam em eventos ligadas à Copa, como os jogos, a Fan Fest e o Caminho do Gol. Os casos mais graves foram os de um argelino com hemorragia interna em um olho, decorrente de agressão

em briga, e um sul-coreano que sofreu uma queda e passou uma noite em observação por causa de um hematoma na cabeça.

Copa 2014

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo