1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Futebol Internacional

Fifa nega recurso e Barcelona é impedido de contratar até 2016

Jamil Chade - O Estado de S. Paulo

20 Agosto 2014 | 08h 07

Espanhóis foram punidos por comprar jogadores estrangeiros menores de idade para atuar pelo clube

Fifa rejeita um recurso apresentado pelo Barcelona e o clube fica proibido de fazer novas contratações até 2016, além de ser multado em R$ 1 milhão pela contratação ilegal de jogadores estrangeiros menores de idade para atuar pelo clube.

A decisão da Fifa, porém, veio em um momento conveniente e só ao final do período de contratações da janela europeia. Isso permitiu que o clube se reforçasse com dez integrantes: Alen Halilovic (Dinamo de Zagreb), Thomas Vermaelen (Arsenal), Rafinha (Celta), Gerard Deulofeu (Everton), Ter Stegen (Borussia Mönchengladbach), Ivan Rakitic (Sevilla), Claudio Bravo (Real Sociedad), Luis Suárez (Liverpool) e Jeremy Mathieu (Valencia). Nos casos de Rafinha e de Deulofeu, trata-se de um retorno de jogadores que haviam apenas sido emprestados a outros clubes. Além dos atletas, o clube também contratou o novo treinador, Luis Enrique.

A medida reabre a polêmica em relação à compra de menores pelos grandes clubes e pode ter um impacto direto em dezenas de brasileiros. Segundo o Estado apurou, mais de cem garotos brasileiros estão hoje na Europa trazidos pelos poderosos times do continente.  

Toni Albir/EFE
A ida de Suárez do Liverpool para o Barcelona foi a transferência mais cara em toda a janela

A Fifa não aponta quais foram os menores contratados e que violaram as regras no Barcelona. Mas alerta que as transferências ocorreram desde 2009 e parte das multas também foi aplicada sobre a Federação Espanhola de Futebol justamente por ter autorizado o registro desses jovens jogadores.

O Barcelona insiste em declarar seu orgulho diante da escolinha que criou e que fez surgir craques como Lionel Messi, Iniesta e Xavi. Mas, agora, é o próprio princípio que é questionado e a reputação da La Masia colocada em xeque. 

A pena imposta pela Fifa contra o Barcelona é de 450 mil francos suíços, enquanto a Federação foi sancionada em 500 mil francos. No total, dez menores entre 2009 e 2013 foram contratados de forma ilegal.

O Barcelona tentou reverter a decisão original nesta semana, apresentando um recurso. Mas, nesta quarta-feira, a Fifa anunciou que rejeitava o apelo.

Em 2013, a Fifa ja havia bloqueado a contratação de seis menores estrangeiros pelo Barça. A decisão foi tomada depois que denúncias anônimas chegaram até a entidade. Naquele momento, o Barça justificou que foram as federações estrangeiras que pediram para seus craques-mirins serem treinados na La Masia.

Para que autorize a venda de um menor de 18 anos de um país para outro, a Fifa exige que pelo menos uma das seguintes condições seja atendida: que a família tenha se mudado do país, que a transferência ocorra entre países da UE com atletas de mais de 16 anos, que o novo clube fique a no máximo 50 quilômetros da fronteira ou que o menor esteja vivendo no novo país por mais de cinco anos antes de ser contratado. Nessas condições, a Fifa registrou 13 mil transferências de jovens no mundo apenas em 2011.

Futebol Internacional

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo