Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Esportes

Esportes » Filipe Luís é suspenso por 3 jogos após falta violenta em Messi

Futebol

Albert Gea|Reuters

Filipe Luís é suspenso por 3 jogos após falta violenta em Messi

Atleta desfalca Atlético de Madrid contra Eibar, Getafe e Villarreal

0

Estadão Conteúdo

03 Fevereiro 2016 | 12h50

Expulso no clássico contra o Barcelona no último sábado, quando recebeu o cartão vermelho por uma falta violenta em Lionel Messi ainda no primeiro tempo do clássico disputado no Camp Nou, Filipe Luís, do Atlético de Madrid, foi punido nesta quarta-feira com três jogos de suspensão pelo Comitê de Competição da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF).

O lateral-esquerdo brasileiro foi expulso de forma direta, sem ter sido punido anteriormente com um cartão amarelo, aos 44 minutos da etapa inicial do jogo que terminou com vitória do Barça por 2 a 1 . No confronto, o zagueiro Diego Godín também veio a ser expulso no segundo tempo e deixou a equipe de Madri com dois homens a menos. O uruguaio, porém, foi excluído de campo após receber dois amarelos.

Por causa da suspensão aplicada nesta quarta-feira, Filipe Luís deverá desfalcar o Atlético nos jogos contra Eibar, Getafe e Villarreal nas próximas rodadas do Campeonato Espanhol. O clube madrilenho, porém, já avisou que irá entrar com um recurso contra a punição, que considerou "desproporcional".

Diretor esportivo do Atlético de Madrid, José Luis Pérez Caminero destacou que situações de jogo semelhantes a esta que envolveu Filipe Luís foram punidas com apenas uma partida de suspensão na Espanha. Ao justificar o recurso contra a sanção, o dirigente ainda destacou que o brasileiro é um jogador com trajetória limpa no futebol, que é "oposta a de um jogador violento".

Com a derrota sofrida no clássico, o Atlético de Madrid ficou três pontos atrás do próprio Barcelona, líder do Campeonato Espanhol, que ainda tem uma partida a menos do que seus adversários na luta pelo título por causa de ter tido um jogo adiado por motivo de sua participação no Mundial de Clubes da Fifa, no final do ano passado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.