1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Gols, viradas e vitórias constroem história da Copa no Brasil

Diego Salgado - O Estado de S. Paulo

16 Junho 2014 | 00h 14

Com a melhor média de gols desde 1958, Mundial é marcado por emoções dentro e fora dos gramados após 11 jogos disputados

A Copa do Mundo 2014 supera as expectativas dos torcedores quatro dias depois da abertura da competição. Da quantidade de gols à festa nas arquibancadas, o Mundial já se destaca na comparação com outras edições do torneio da Fifa. Após 11 jogos disputados, a média de gols marcados é a melhor desde 1958. O número de viradas, por sua vez, é recorde: cinco. Além disso, todas as partidas tiveram um vencedor e apenas Camarões, Grécia e Honduras não balançaram as redes até aqui.

No total, 37 gols já foram marcados por 19 das 22 seleções que já entraram em campo. A média de gols atingiu a marca de 3,36 gols por confronto - a sétima melhor marca da história, atrás de 1958 (3,6), 1954 (5,38), 1950 (4,00), 1938 (4,67), 1834 (4,12) e 1930 (3,89). 

Comparada às últimas cinco Copas do Mundo (em 1998, a competição passou a ter 32 seleções), o Mundial 2014 apresenta os melhores números. Em 1998, por exemplo, 27 gols foram marcados nos primeiros 11 jogos (média de 2,45). Cinco empates ocorreram no período, com dois 0 a 0. Na ocasião, duas viradas foram aplicadas. Dinamarca, África do Sul, Paraguai, Bulgária, Holanda, Bélgica e Japão não marcaram gols.

Quatro anos depois, na Ásia, os números foram melhores. Em 11 partidas, 17 seleções balançaram as redes, em um total de 31 gols (média de 2,81) - França, Arábia Saudita, Nigéria, Croácia e Equador não conseguiram marcar. Uma virada foi registrada: na vitória por 2 a 1 do Brasil sobre a Turquia. Além disso, nenhum empate ocorreu.

Na Alemanha, apenas os australianos conseguiram vencer após sair atrás no placar (3 a 1 no Japão). Em 11 jogos, um empate aconteceu - 0 a 0 entre Trinidad e Tobago e Suécia. A média de gols ficou em 2,45 (27 foram marcados) e oito seleções não chegaram às redes: Polônia, Paraguai, Trinidad e Tobago, Suécia, Sérvia e Montenegro, Angola, Estados Unidos e Gana.

Na Copa 2010, o número de seleções sem gols após quatro dias de jogos chegou a nove - Uruguai, França, Grécia, Nigéria, Argélia, Sérvia, Austrália, Dinamarca e Camarões. A média de gols foi a mais baixa de todas as edições com 32 participantes: apenas 1,64 gol por confronto (18 marcados). No total, quatro jogos ficaram empatados, com um 0 a 0 entre Uruguai e França.

Compare as últimas cinco Copas após 11 jogos:

Copa 2014

Gols: 37

Média: 3,36

Viradas: 5 

Empates: Nenhum

Seleções sem gols: 3

Copa 2010

Gols: 18

Média: 1,64

Viradas: Nenhuma

Empates: 4

Seleções sem gols: 9

Copa 2006

Gols: 27

Média: 2,45

Viradas: 1

Empates: 1

Seleções sem gols: 8

Copa 2002

Gols: 31

Média: 2,81

Viradas: 1

Empates: 3

Seleções sem gols: 5

Copa 1998

Gols: 27

Média: 2,45

Viradas: 2

Empates: 5

Seleções sem gols: 7