1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

Gramado da Arena Amazônia preocupa para 1º jogo

AE-AP - Agência Estado

11 Junho 2014 | 14h 42

Responsável pelo plantio do gramado da Arena Amazônia, a empresa Royal Verd admite que o campo de jogo de quatro partidas da Copa, entre elas Inglaterra x Itália, preocupa. De acordo com Carlos Botella Pavía, chefe da área de gramados esportivos da empresa, as condições climáticas da região Norte do País prejudicaram a grama. Um plano de crise, já iniciado, inclui fertilizantes e bioestimulantes.

"Manaus está francamente mal. As condições climáticas não ajudaram, está chovendo muito. Começamos um plano de choque, de emergência, para tentar recuperar o gramado e melhorá-lo ao máximo, mas não creio que sábado ele esteja pronto", disse, em referência à partida entre italianos e ingleses, pelo Grupo D.

Uma equipe de oito pessoas trabalha no gramado. Botella acredita que os tratamentos surjam algum efeito para a segunda partida em Manaus, entre Camarões e Croácia, do grupo do Brasil, em 18 de junho (quarta-feira).

Responsável por todos os gramados da Copa, a Royal Verd, a Arena Amazônia deu mais trabalho que as demais porque foi necessária a subcontratação de diversas empresas em uma área de difícil acesso. "Todo o material teve que ser trazido de barco. Não há adubo, não há sementes. Foi muito complicado", conta Botella.

Copa 2014