Lucas Uebel/Grêmio
Lucas Uebel/Grêmio

Grohe, Cortez e Edilson voltam a treinar e devem reforçar o Grêmio

Equipe gaúcha enfrenta o São Paulo, quarta-feira, em Porto Alegre

Estadão Conteúdo

13 Novembro 2017 | 20h30

Depois do empate com o Vitória no domingo, por 1 a 1, o elenco do Grêmio voltou a treinar nesta segunda-feira e iniciou sua preparação para enfrentar o São Paulo, quarta, às 19h30, em Porto Alegre, pelo Campeonato Brasileiro.

+ Renato admite revezamento no Grêmio para testes de olho em final

E a atividade teve boas notícias para o técnico Renato Gaúcho. Desfalques contra o Vitória, o goleiro Marcelo Grohe e os laterais Edilson e Cortez treinaram e estão liberados para enfrentar o São Paulo.

Enquanto os titulares de domingo realizaram um trabalho regenerativo na academia, os demais atletas fizeram um coletivo com o grupo de transição. E Cortez, recuperado de um desgaste, participou da atividade, vencida pelos profissionais por 2 a 1.

A equipe foi escalada nesta segunda com: Brenno; Kaio, Rafael Thyere, Bressan e Cortez; Cristian, Michel, Cícero, Arroyo e Everton; Jael. Já Bruno Grassi, Bruno Rodrigo, Machado, Jean Pyerre e Patrick reforçaram a equipe adversária.

Recuperado de uma gripe e de um desconforto muscular, Edilson fez um trabalho à parte dos demais, mas foi liberado para enfrentar o São Paulo. Já Marcelo Grohe melhorou de dores na cervical e fez uma atividade supervisionada pelo preparador de goleiros Rogério Godoy e pelo departamento de fisioterapia. Também, assim, vai para o jogo.

O empate no domingo deixou o Grêmio com 58 pontos, a dez pontos do líder Corinthians e um na frente do Palmeiras, que no último domingo venceu o Flamengo por 2 a 0.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.