Ricardo Duarte / Internacional
Ricardo Duarte / Internacional

Guto festeja vitória 'fantástica' do Inter e D'Alessandro exalta 'reconstrução'

Colorado lidera a série B com 57 pontos, seis a mais que o vice-líder América-MG

Estadão Conteúdo

10 Outubro 2017 | 10h46

O técnico do Internacional, Guto Ferreira, classificou como fantástica a vitória da equipe colorada sobre o Brasil de Pelotas, por 1 a 0, nesta segunda-feira à noite, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, no jogo que abriu a 29.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

+ Rodrigo Dourado desfalca Inter por três semanas

"O resultado foi fantástico. Era o que buscávamos: retomar. Foi a 11ª vitória em 13 partidas. Mostra que estamos no caminho certo. Criamos situações importantes e marcamos no final. O Brasil de Pelotas veio bastante fechado e jogando nos nossos erros. Eles tiveram pouquíssimas chances", festejou o treinador em entrevista coletiva após a partida.

O meia argentino D'Alessandro, responsável pela assistência que resultou no gol do centroavante Leandro Damião no confronto desta segunda, festejou a boa fase do time na temporada e fez elogios à administração da nova diretoria colorada.

"A reconstrução não acontece de um dia para o outro. Nós começamos o ano com uma diretoria nova, com gente que voltou ao clube, com quem eu já trabalhei. Eles começaram montando o time aos poucos, montando um elenco competitivo. Um time que pode brigar pela liderança da Série B e que pode colocar o Inter onde ele merece estar, que é na elite do futebol brasileiro. O nosso CT está melhorando. É algo que faz parte também da nossa construção", exaltou o meia argentino em entrevista ao canal Sportv.

D´Alessandro, de 36 anos, também revelou que pretende manter vínculos com o clube após encerrar a carreira como jogador. Ele contou que já tem planos para quando se aposentar dos gramados.

"Termino um curso de treinador no fim do ano, só para não perder tempo, mas ainda não sei o que vou fazer quando me aposentar. Vou precisar de um tempo para descansar e curtir a minha família, ver Champions League (Liga dos Campeões), conhecer estádios. O Internacional é um clube que me deu muitas coisas e gostaria de ajudá-lo de outra forma quando eu parar", complementou o jogador.

O Internacional lidera a Série B do Brasileirão, com 57 pontos. O time colorado voltará a campo pela competição nacional no próximo dia 17 (terça-feira), quando enfrentará o Boa, em Varginha, pela 30.ª rodada do torneio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.