Ricardo Duarte/SC Internacional
Ricardo Duarte/SC Internacional

Internacional recebe ABC no reencontro com a torcida no Beira-Rio pela Série B

Equipe gaúcha venceu o Londrina por 3 a 0 na estreia na segunda divisão nacional, que disputa pela primeira vez

Estadão Conteúdo

20 Maio 2017 | 08h02

Aos poucos os torcedores do Internacional estão se acostumando, e aceitando, o fato de o time disputar o Campeonato Brasileiro da Série B. Apesar do trauma do rebaixamento inédito da elite, eles ficarão frente a frente no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, pela primeira vez na segunda divisão nacional após a queda, neste sábado. Os comandados do técnico Antônio Carlos Zago recebem o ABC, às 19 horas, no fechamento da segunda rodada.

Na estreia, o Internacional visitou o Londrina e, com grande atuação do meia argentino D'Alessandro e do atacante uruguaio Nico López, venceu por 3 a 0. No meio de semana, porém, em confronto pela Copa do Brasil, foi derrotado pelo Palmeiras pelo placar mínimo, em São Paulo. O ABC apenas empatou sem gols com o Paraná na primeira rodada, em casa, e espera arrancar um empate no Sul.

O time gaúcho tem uma série de novidades para este sábado. Vetados pelo departamento médico para o confronto contra o Palmeiras, o lateral-esquerdo Carlinhos e o volante Edenílson podem aparecer no banco de reservas. A definição só sairá momentos antes do jogo. Além deles, o atacante William Pottker, contratado da Ponte Preta, deve começar no banco de reservas.

Por outro lado, Antônio Carlos Zago não deve contar com dois jogadores. O volante Anselmo, que negocia com o Sport, treinou na última sexta-feira, mas está fora do jogo. E também o meia Valdívia, que está em negociação avançada para defender o Cruzeiro, sequer treinou. Apesar das baixas, o time titular deve ser o mesmo que enfrentou e venceu o Londrina.

O ABC viajou para Porto Alegre na última quinta-feira cheio de dúvidas. O técnico Geninho reclamou da equipe no último treino, alegando muita demora na transição do setor defensivo para o ataque. A tendência é que ele faça pelo menos uma mudança, colocando o recém-contratado Zotti na vaga de Gegê.

Entretanto, Geninho gostou do que viu na defesa. Ele acredita que a solidez do sistema pode ser útil para o ABC conquistar, pelo menos, um ponto contra o favorito Internacional. Depois do empate sem gols em casa diante do Paraná, o time potiguar quer recuperar a confiança e o bom futebol no estádio Beira-Rio. "Claro que não se pode comparar as estruturas financeiras dos dois clubes, mas dentro de campo podemos equilibrar as ações", disse o técnico.

Mais conteúdo sobre:
Internacional futebol Internacional

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.