Jair Ventura exalta garra do Botafogo e volta a pedir reforços

Vitória sobre o Bahia foi a segunda do time alvinegro no Brasileirão

Estadão Conteúdo

29 Maio 2017 | 10h18

O técnico Jair Ventura exaltou a luta exibida pelo Botafogo para assegurar a vitória por 1 a 0 sobre o Bahia, na noite de domingo, no Engenhão, destacando que vários dos seus jogadores terminaram o compromisso estafados. Na sua avaliação, o time encarou o compromisso como se fosse um duelo mata-mata.

"Na terceira rodada, a gente termina com Joel e Marcelo caídos, e eu sem voz. Cada jogo é uma final e é isso o que a gente está fazendo", afirmou o treinador, destacando que o desgaste expôs a necessidade de o Botafogo se reforçar para a sequência da temporada, ainda mais que o time também está envolvido na disputa da Copa do Brasil e da Libertadores.

"Estamos em três competições e a gente vai pagar um preço por isso porque o elenco é curto. Todo treinador precisa de reforços, especialmente disputando três competições. Estamos buscando no mercado", acrescentou Jair Ventura.

Na sua avaliação, as equipes fizeram um duelo equilibrado, mas o Botafogo mereceu sair do Engenhão com a vitória. "Foi um jogo equilibrado, principalmente no primeiro tempo, quando o Bahia tentando gelar o jogo. A gente fez o gol e aí o jogo ficou aberto, com oportunidades lá e cá, as mais claras nossas, com Joel, Camilo e Guilherme dentro da área", disse.

Com a vitória, o Botafogo chegou aos seis pontos, em sétimo lugar no Brasileirão. O time volta a jogar nesta quarta-feira, quando vai visitar o Sport, na Ilha do Retiro, no jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. O time carioca ganhou o duelo de ida por 2 a 1.

Mais conteúdo sobre:
futebol Botafogo Jair Ventura Filho

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.