Sascha Steinbach/EFE
Sascha Steinbach/EFE

Japão é derrotado pela Ucrânia em amistoso de preparação para a Copa do Mundo

Equipe japonesa perdeu os dois amistosos realizados na data Fifa

Estadão Conteúdo

27 Março 2018 | 12h30

Em um dos primeiros amistosos entre seleções já encerrados entre os muitos agendados para esta terça-feira, o Japão foi derrotado por 2 a 1 pela Ucrânia, em Liège, na Bélgica, em duelo de preparação para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

+ AFA divulga escalação sem Messi e astro poderá voltar a desfalcar Argentina

+ Quatro anos após o 7 a 1, patrocinadores voltam a apoiar a seleção brasileira

A equipe japonesa assim amargou o seu segundo resultado ruim em dois amistosos que visam a sua participação no Mundial. Na última sexta-feira, na mesma cidade belga, o time nipônico sofreu para empatar por 1 a 1 com o modesto Mali, quando só marcou o seu gol nos acréscimos do tempo normal, aos 50 minutos da etapa final, para evitar a derrota.

Contra os ucranianos, que tiveram o meia Marlos como titular, os japoneses viram seus adversários abrirem novamente o placar, com Yaroslav Rakitskiy marcando aos 21 minutos de jogo após disparar um forte chute de fora da área em que a bola desviou no defensor Naomichi Ueda antes de entrar no gol.

O Japão conquistou o empate ainda no primeiro tempo, aos 41, quando Tomoaki Makino completou um cruzamento para as redes com uma cabeçada. Aos 24 da etapa final, porém, Oleksander Karavaev voltou a deixar a Ucrânia em vantagem ao fazer aquele que foi o seu primeiro gol pela seleção principal do país, determinando o 2 a 1.

A derrota para os ucranianos também serviu para evidenciar o momento ruim vivido pela seleção japonesa, que ganhou apenas dois dos últimos sete jogos que disputou. Agora, por sua vez, caiu diante de um rival que não conseguiu se classificar para o Mundial de 2018, que começará no próximo dia 14 de junho.

O Japão vai integrar o Grupo H da Copa, que também conta com Colômbia, Senegal e Polônia. A sua estreia será no dia 19 de junho, contra os colombianos, em Saransk.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.