João Paulo sofre contusão e deixa treino do Palmeiras carregado

O Palmeiras realizou mais um treinamento nesta sexta-feira, na Academia de Futebol, mas o técnico Oswaldo de Oliveira não deu pista do time que vai enfrentar o Red Bull, domingo, às 18h30, em Campinas. A má notícia foi a entorse no tornozelo direito do lateral-esquerdo João Paulo. Durante o treino, ele foi disputar a bola com um companheiro e prendeu o pé no gramado. O jogador será reavaliado para saber a gravidade da lesão, mas precisou deixou o campo sendo carregado pelos colegas.

DANIEL BATISTA, Estadão Conteúdo

27 Março 2015 | 18h49

Durante a atividade, os reservas fizeram um trabalho tático e depois calibraram o pé em um treino de chutes a gol. A novidade foi a presença do atacante Kelvin, que fez o primeiro trabalho com bola desde a lesão no joelho, ocorrida ainda durante a pré-temporada.

Cleiton Xavier e Allione mais uma vez não apareceram no gramado, pois se recuperam de dores musculares. O argentino não deve ser relacionado para o jogo e Cleiton só será inscrito no Paulista na próxima fase.

Os titulares ficaram no outro gramado jogando futevôlei e foram para a academia. O técnico Oswaldo de Oliveira só deve definir o time em treinamento que será realizado neste sábado, sem a presença da imprensa. Ele tem a possibilidade de repetir a formação que derrotou o São Paulo por 3 a 0, com: Fernando Prass; Lucas, Vitor Hugo, Tobio e Zé Roberto; Gabriel, Arouca, Robinho, Dudu e Rafael Marques; Cristaldo.

Restando três rodadas para o término da primeira fase, o Palmeiras tem sete jogadores pendurados, casos de Fernando Prass, Vitor Hugo, Tobio, Arouca, Zé Roberto, Alan Patrick e Dudu.

Mais conteúdo sobre:
futebol Palmeiras João Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.