Assine o Estadão
assine

Esportes

São Paulo FC

São Paulo valoriza atuação no 2.º tempo contra o Água Santa

Tricolor deslanchou e anotou três gols na segunda etapa

0

Ciro Campos,
Estadão Conteúdo

06 Fevereiro 2016 | 19h27

Um gol no primeiro tempo e outros três no segundo. Foi assim que o São Paulo construiu a vitória de goleada por 4 a 0, neste sábado, sobre o Água Santa, no estádio do Pacaembu, na capital, pelo Campeonato Paulista, em atuação que fez os jogadores admitirem que fica de exemplo para as próximas partidas o volume de futebol demonstrado na segunda etapa, principalmente pela entrada de titulares.

"O primeiro tempo foi um pouco complicado. Eles ficaram atrás da linha da bola. O importante é que a gente continuou insistindo, fizemos o primeiro gol, abrimos espaço e calma ampliamos", explicou o volante Wesley ao deixar o campo. O São Paulo fez três gols na segunda etapa após a entrada de três titulares que até então vinham sendo poupados pelo técnico argentino Edgardo Bauza para o jogo no meio de semana pela Copa Libertadores contra o Cesar Vallejo, do Peru.

Thiago Mendes e Michel Bastos entraram e fizeram gols, fora a boa participação de Paulo Henrique Ganso. "Conseguimos uma grande vitória. A equipe deles estava nos dificultando bastante e depois concluímos as oportunidades para construir uma larga vantagem", disse Michel Bastos, autor do último gol. Os dois primeiros do time foram de Calleri, de cabeça. O argentino chegou à marca de três tentos em duas partidas pelo clube.

Antes da entrada dos titulares, o time estava em dificuldade. O Água Santa pressionou no começo do segundo tempo, enquanto que o São Paulo estava com uma formação mista e sem meias de origem em campo. "Com o tempo a equipe deles se abriu e conseguimos fazer mais gols. Ficamos felizes com a vitória", destacou o zagueiro Rodrigo Caio.

Sem folga no carnaval, a equipe se reapresenta no domingo pela manhã no CT da Barra Funda para iniciar a preparação para enfrentar a equipe peruana na próxima quarta-feira, pelo confronto de volta da primeira fase da Libertadores. Na ida, em Trujillo, as equipes empataram em 1 a 1.

Comentários