Juiz de Brasil x Holanda em 2010 apita abertura da Copa no Itaquerão

Japonês Yuichi Nishimura, que apita partidas internacionais desde 2004, expulsou Felipe Melo em memorável jogo do último Mundial

Leandro Silveira, Agência Estado

10 Junho 2014 | 12h48

A Fifa anunciou nesta terça-feira que o japonês Yuichi Nishimura será o árbitro da partida de abertura da Copa do Mundo, entre as seleções do Brasil e da Croácia, nesta quinta-feira, às 17 horas, no Itaquerão, em São Paulo. E ele não traz boas lembranças para a seleção brasileira, pois apitou o duelo contra a Holanda, nas quartas de final do Mundial de 2010, quando a equipe então dirigida por Dunga perdeu por 2 a 1 e acabou sendo eliminada da competição.

O árbitro, de 42 anos, apita partidas internacionais desde 2004 e está em sua segunda Copa. Na de 2010, foi ele o responsável por expulsar o volante brasileiro Felipe Melo na derrota para a seleção holandesa. Antes, já havia aplicado o primeiro cartão vermelho daquele Mundial, ainda na primeira fase do torneio, em duelo entre Uruguai e França, ao expulsar Lodeiro.

Nishimura também possui outras experiências internacionais, tanto que trabalhou na Copa das Confederações do ano passado e também apitou a final do Mundial de Clubes de 2010, em que a Inter de Milão derrotou o Mazembe. Além disso, foi o quarto árbitro da decisão da Copa de 2010, em que a seleção espanhola derrotou a Holanda por 1 a 0 na prorrogação.

Agora, Nisihimura apitará o jogo de abertura da Copa e, assim, o Brasil reencontrará o árbitro da sua última partida em um Mundial, de más lembranças, pois acabou adiando por quatro anos o sonho da equipe de conquistar o seu sexto título do torneio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.