AFP
AFP

Lateral Emerson Palmieri, ex-Santos, é convocado pela seleção italiana

Jogador da Roma obteve cidadania italiana no último mês de março

Estadão Conteúdo

27 Maio 2017 | 14h58

O lateral-esquerdo Emerson Palmieri, de 22 anos, foi convocado pela Itália neste sábado para o amistoso contra o Uruguai e o duelo contra Liechtenstein pelas Eliminatórias Europeias da Copa de 2018.

Revelado pelo Santos, o jogador brasileiro atua na Roma e obteve cidadania italiana em março deste ano. O nome de Palmieri já havia composto uma chamada lista "alternativa" para o amistoso diante de San Marino, na próxima quarta-feira.

Além de Emerson, a lista de 26 nomes conta com o atacante Eder, da Inter de Milão, que também brasileiro naturalizado italiano. Outra novidade é a presença do meio-campista Riccardo Montolivo, do Milan. É sua primeira convocação desde que lesionou o joelho direito em partida contra a Espanha, em outubro do ano passado.

Os italianos estão empatados em pontos com a Espanha no Grupo G do qualificatório europeu para o Mundial da Rússia, mas perdem no critério de desempate pelo saldo de gols. Liechtenstein é o último colocado na chave - perdeu os cinco jogos disputados até agora.

A lista reúne ainda cinco jogadores da Juventus, Gianluigi Buffon, Leonardo Bonucci, Giorgio Chiellini, Andrea Barzagli e Claudio Marchisio. Eles se juntarão ao restante da delegação no dia 5, dois dias após a final da Liga dos Campeões da Europa, diante do Real Madrid, em Cardiff, no País de Gales.

Outros três atletas, Mattia Caldara (Atalanta), Federico Ceccherini (Crotone) e Lorenzo Pellegrini (Sassuolo), deixarão o grupo no mesmo dia 5 de junho. A Itália vai enfrentar a seleção uruguaia no próximo dia 7 de junho, em Nice. O duelo contra Liechtenstein ocorrerá dois dias depois, em Údine.

Confira a lista de convocados da Itália:

Goleiros: Gianluigi Buffon (Juventus), Gianluigi Donnarumma (Milan) e Simone Scuffet (Udinese);

Zagueiros: Davide Astori (Fiorentina), Andrea Barzagli (Juventus), Leonardo Bonucci (Juventus), Mattia Caldara (Atalanta), Federico Ceccherini (Crotone), Giorgio Chiellini (Juventus);

Laterais: Danilo D'Ambrosio (Inter), Matteo Darmian (Manchester United), Emerson Palmieri (Roma) e Leonardo Spinazzola (Atalanta);

Volantes: Daniele De Rossi (Roma), Claudio Marchisio (Juventus), Riccardo Montolivo (Milan), Lorenzo Pellegrini (Sassuolo) e Marco Verratti (Paris Saint-Germain);

Meias: Federico Bernardeschi (Fiorentina), Antonio Candreva (Inter), Stephan El Shaarawy (Roma) e Lorenzo Insigne (Napoli);

Atacantes: Andrea Belotti (Torino), Eder (Inter), Manolo Gabbiadini (Southampton) e Ciro Immobile (Lazio).

Mais conteúdo sobre:
Futebol Internacional futebol Itália

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.