Lazio pode perder mais 3 jogadores

Depois de tentar renegociar o valor do passe do argentino Sorín junto ao Cruzeiro, a equipe da Lazio corre o risco de perder mais três jogadores por falta de pagamento, entre eles, o brasileiro Eriberto. A equipe romana não efetuou os pagamentos pelas contratações de Eriberto e Manfredini, do Chievo, além de Massimo Oddo, do Verona. De acordo com a legislação esportiva italiana, o clube teria o prazo até ontem (19) para depositar pelo menos 30% do valor da transação, o que não foi feito. O presidente da Liga Italiana de Futebol Profissional, Adriano Galliani, disse que pretende intermediar uma tentativa de acordo entre os clubes. Segundo ele, o presidente da Lazio, Sergio Cragnotti pedirá um novo prazo - até 30 de setembro - para tentar um acordo. Na tarde desta segunda-feira, o Cruzeiro recebeu um fax da Lazio, no qual o clube italiano solicitava a renegociação da dívida referente à venda Sorín. Os direitos federativos do argentino foram vendidos para o clube europeu no primeiro semestre deste ano por US$ 9,5 milhões. Segundo a assessoria de imprensa do clube mineiro, o Cruzeiro não aceita rever os valores da negociação, o que poderá implicar na devolução do jogador.

Agencia Estado,

20 Agosto 2002 | 15h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.