Andres Larrovere/AFP
Andres Larrovere/AFP

Libertad empata e Atlético-MG é o 1º brasileiro a se classificar na Libertadores

Equipe paraguaia empatou com o Godoy Cruz por 1 a 1 e não tem mais chance de alcançar time mineiro

Estadão Conteúdo

04 Maio 2017 | 23h46

Sem entrar em campo nesta quinta-feira, o Atlético Mineiro se tornou o primeiro dos oito clubes brasileiros que disputam a Copa Libertadores a conseguir a classificação às oitavas de final da competição. Um dia depois da goleada sobre o Sport Boys por 5 a 1, na Bolívia, a vaga no Grupo 6 foi assegurada com o empate entre Godoy Cruz e Libertad, do Paraguai, por 1 a 1, em Mendoza, na Argentina.

Após cinco rodadas disputadas, a liderança da chave é do time argentino, que tem 11 pontos. O Atlético Mineiro vem na sequência com 10 e agora não pode mais ser alcançado pelo Libertad, que tem cinco. O Sport Boys é o lanterna com apenas um. O consolo aos paraguaios é a vaga na segunda fase da Copa Sul-Americana com o terceiro lugar garantido.

No próximo dia 16, o Grupo 6 terá a realização da sexta e última rodada. Nela, a definição da liderança acontecerá no duelo entre Atlético Mineiro e Godoy Cruz, às 21 horas, no estádio Independência, em Belo Horizonte. No mesmo horário, Libertad e Sport Boys cumprirão tabela no estádio Nicolas Leoz, em Assunção.

Outro clube brasileiro poderia se classificar nesta quinta-feira sem jogar, mas não teve o mesmo destino que o Atlético Mineiro. No Grupo 8, o Guaraní, do Paraguai, derrotou o Zamora por 3 a 1, na Venezuela, e impediu a vaga antecipada do Grêmio, que na quarta foi derrotado de virada pelo Deportes Iquique por 2 a 1, no Chile.

Com 10 pontos, o Grêmio lidera a chave e tem o Guaraní-PAR com a mesma pontuação - os brasileiros ganham no saldo de gols (5 a 2). Vivo na competição, o Deportes Iquique está em terceiro com nove. Na lanterna, sem pontuar, o Zamora está eliminado.

Na sexta e última rodada, no próximo dia 25, o Grêmio enfrenta o Zamora e precisa de apenas um empate. A única combinação para ser eliminado é se Guaraní-PAR e Deportes Iquique empatarem em Assunção e o time brasileiro ser derrotado por dois ou mais gols de diferença.

Dos outros seis brasileiros na disputa, cinco estão em boa situação para obterem a classificação. São eles: Palmeiras, Santos, Flamengo, Botafogo e Atlético Paranaense. Somente a Chapecoense está em perigo no Grupo 7, já que Lanús (Argentina) e Nacional (Uruguai) são os favoritos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.