Lippi se diz otimista quanto à presença de Totti na Copa

O técnico da seleção italiana, Marcelo Lippi, disse nesta terça-feira que está otimista quanto ao aproveitamento do meia-atacante Francesco Totti, da Roma, na Copa do Mundo. "Sua recuperação está indo bem e ele está quase pronto para voltar", afirmou o técnico, no início de uma sessão de treinos que vai até quarta-feira. Totti fraturou o tornozelo esquerdo durante um jogo da Roma contra o Empoli, em fevereiro. Os treinos desta semana reúnem 29 jogadores, sem atletas de Roma e da Inter de Milão, que disputam nesta quarta-feira a primeira partida da final da Copa da Itália. Lippi diz que está bem próximo de chegar a uma definição sobre os 23 jogadores que estarão no Mundial da Alemanha. Segundo ele, essa reunião de dois dias serve para integrar vários jogadores a um projeto de longo prazo. "A seleção não acaba aqui, logo depois da Copa já teremos as eliminatórias para a Eurocopa", lembrou - a seletiva começa em setembro. Um dos jogadores convocados foi Filippo Inzaghi, do Milan, que não foi aproveitado por Lippi nos últimos dois anos. "Estou muito feliz por estar de volta, é um sentimento único vestir essas cores", disse o atacante, que não quis comentar suas chances de disputar o Mundial. "Tenho de aceitar a decisão do técnico, só podem ir 23. Mas sempre tive a esperança de voltar à seleção", afirmou. Enquanto a lista definitiva da Itália não é divulgada, Totti voltará a ser titular na Roma contra o Treviso, no próximo domingo, pela 37ª rodada do Campeonato Italiano.

Agencia Estado,

02 Maio 2006 | 11h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.