Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Marcelo Fernandes fecha treino e esconde a escalação do Santos

Técnico não confirma a equipe que enfrenta o Audax neste sábado

SANCHES FILHO, O Estado de S. Paulo

20 Março 2015 | 13h21

Marcelo Fernandes fechou o treino tático da manhã desta sexta-feira no CT Rei Pelé e não revelou a escalação do Santos para enfrentar o Audax, às 16 horas deste sábado no Pacaembu, pela 11ª rodada do Campeonato Paulista. O treinador disse que vai assistir aos vídeos dos últimos jogos do adversário antes de decidir quem será o substituto de Valencia, que cumprirá suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo.

"Ainda temos uma dúvida. Treinamos algumas formações, com Lucas Octávio, Elano, Leandrinho e Marquinhos Gabriel e vamos decidir por uma delas depois de estudar um pouco mais a forma de jogar do Audax", disse Marcelo, que só permitiu a presença da imprensa durante o trabalho recreativo, o tradicional "rachão", e o treino de finalizações.

Na atividade secreta, Marcelo ensaiou a marcação avançada, utilizando volantes que marcam mas que também tem qualidade na saída de bola. Ele também treinou lances de bola parada defensiva e ofensiva.

O técnico santista disse que o Santos não vai poupar titulares porque o objetivo é fechar em primeiro lugar a fase de classificação do Campeonato Paulista para ter vantagens nas quartas, semi e finais. O Santos deve enfrentar o Audax com a seguinte escalação: Vanderlei; Cicinho, David Braz, Werley e Victor Ferraz; Lucas Octávio ou Elano, Renato e Lucas Lima; Geuvânio, Ricardo Oliveira e Robinho.

Após o jogo da tarde desta sábado, Robinho vai se apresentar à seleção brasileira para os amistosos contra França, dia 26, em Paris, e Chile, dia 29, em Londres, e desfalcará o Santos contra Ponte Preta, em Campinas, e São Bento, na Vila Belmiro.

Mais conteúdo sobre:
futebol Santos FC Marcelo Fernandes

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.