Érico Leonan/São Paulo
Érico Leonan/São Paulo

Marcinho minimiza erro de Lucão e quer vitória na quarta para espantar críticas

Equipe do Morumbi enfrenta o Atlético-PR, fora de casa

Paulo Favero, O Estado de S.Paulo

19 Junho 2017 | 15h46

O São Paulo voltou aos treinos após a derrota para o Atlético-MG no Morumbi, pelo Campeonato Brasileiro, sem ter muito o que comemorar. Além do revés como mandante, pela primeira vez nesta edição do torneio nacional, os jogadores estão tendo de conviver com as críticas que aumentaram bastante em cima do grupo. Para piorar, o time enfrentar na quarta-feira o Atlético-PR, fora de casa.

"Nessa sequência de jogos, quando perde não dá para pensar muito nisso e deixar o clima ficar ruim. Não pode pensar nas críticas por muito tempo, temos jogo na quarta-feira e queremos ganhar. O ruim seria se fosse uma semana cheia. Como temos dois jogos na sequência, vamos buscar a vitória e aí poder ter uma semana mais tranquila", explicou o atacante Marcinho.

O erro de Lucão na partida contra o Atlético-MG, que culminou no gol da vitória do adversário, ainda repercute. "Ali no vestiário ninguém sabia o que tinha acontecido, mas acho que é uma situação que poderia acontecer com qualquer um. Sair do jogo de cabeça quente, às vezes fala algumas coisas no momento, mas vamos conversar e acho que já passou", continuou.

Lucão assumiu a responsabilidade pelo erro, mas de forma irônica, afirmou que em breve iria sair do São Paulo "para alegria de muitos torcedores". Para Marcinho, aquilo foi falado de cabeça quente. "Por mim ele fica e a gente continua trabalhando junto, pois ele sempre nos ajudou. Não é por causa de um erro ou outro que vamos crucificar", disse o atacante, lembrando que é uma decisão de diretoria.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo FC futebol Morumbi

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.