Marília garante vaga na final da Taça

Marília e Juventude vão decidir a Taça Cidade de Marília, domingo, às 17h30, no estádio Bento de Abreu Sampaio Vidal, em Marília. Nesta sexta-feira, o time da casa ganhou do Guarani nos pênaltis, por 6 a 5, depois de 20 cobranças. No tempo normal, houve empate de 1 a 1. Já o Juventude eliminou o União São João. O Guarani começou melhor, no ataque, enquanto o Marília explorava os contra-ataques. Mas o primeiro tempo teve poucas chances de gol. Os dois gols saíram no segundo tempo. Aos 30 minutos, numa boa jogada do atacante Daniel Vitor, o volante Junior aproveitou para fazer 1 a 0 para o Guarani. Mas não deu nem tempo de comemorar, porque o lateral Marcão empatou aos 33, pegando um rebote da defesa. Na cobrança dos pênaltis, houve empate por 3 a 3 na série inicial de cinco cobranças. No final, cada time cobrou 20 penalidades até que a vitória ficasse com o Marília, por 6 a 5. As últimas duas cobranças foram feitas pelos dois goleiros. Marcelo Cruz, do Marília, chutou e depois defendeu a cobrança de Cairo.

Agencia Estado,

02 Agosto 2002 | 23h37

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.