1. Usuário
Assine o Estadão
assine
Copa 2014

Mendez revela orgulho em sua última Copa com Equador

AE - Agência Estado

12 Junho 2014 | 14h 47

Com 35 anos, o jogador equatoriano irá disputar a Copa do Mundo pela última vez, e disse que dará seu melhor dentro de campo

O meio-campista Edison Mendez está prestes a jogar a sua terceira e última Copa do Mundo. Aos 35 anos, ele é um dos jogadores mais respeitados do Equador e quer aproveitar ao máximo os seus últimos momentos como membro da seleção.

"Meu objetivo é dar o máximo em cada minuto de cada treinamento para poder fazer o meu melhor junto aos meus companheiros", afirmou o jogador crescido em Chota, região pobre localizada na zona central equatoriana, e que representou o país no Mundial de 2002 e de 2006.

Mendez, que teve curta passagem pelo Atlético-MG, começou a carreira no Deportivo Quito e foi bem sucedido no holandês PSV Eindhoven, pelo qual ganhou dois campeonatos nacionais. A dedicação que o fez crescer como profissional e que ele leva para sua última Copa vem, em parte, das lembranças da infância, quando chegou a passar fome.

"Não tínhamos pão para comer todos os dias. E sapatos, nós tínhamos que procurar no lixo para poder ter um", lembrou ele, acrescentando que o clima de euforia pela disputa da Copa não pode atrapalhar o grupo. "Temos que estar concentrados no nosso trabalho e viver nossa própria história."

A seleção do Equador está no Grupo E, junto com Suíça, Honduras e França. A estreia dos comandados do técnico Reinaldo Rueda é no próximo domingo, em Brasília, diante dos suíços.

Copa 2014