1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

México pode fazer história na Copa, diz Rafa Márquez

AE - Agência Estado

12 Junho 2014 | 15h 10

O experiente zagueiro Rafa Márquez elogiou a qualidade do time do México escalado para começar o jogo de estreia na Copa do Mundo, contra Camarões, nesta sexta-feira, em Natal. O jogador de 35 anos é o capitão da seleção e vai disputar seu quarto e provavelmente último Mundial, em que ele espera ir mais longe do que nas três vezes em que foi eliminado nas oitavas de final.

"Nosso grupo é forte e na nossa mente nós acreditamos que podemos avançar até as fases finais e fazer história", afirmou Rafa Márquez, que esteve ameaçado de não disputar o Mundial. Ele se recuperou de lesão no pé direito após choque em amistoso com o Equador, em 31 de maio, e está escalado para a partida de estreia do México.

"Há um nível alto no time. Há jogadores experientes não só entre os 11 que vão para a partida, mas no elenco dos 23. Temos trabalhado em um padrão alto com Miguel Herrera", disse o defensor, citando o treinador do México.

No confronto com Camarões em Natal, na Arena das Dunas, Rafa Márquez vai ter de marcar Samuel Eto''o, um ex-companheiro com quem fez sucesso no Barcelona. "Vai ser algo especial. É um bom amigo meu, fomos colegas e agora seremos rivais. Tenho que fazer meu trabalho, dar o melhor de mim porque ele é um jogador chave de sua equipe", avaliou o zagueiro.

Nunca eliminado na primeira fase da Copa, Rafa Márquez passou a receita para sua equipe passar da etapa inicial. "É crucial que comecemos bem, ganhar os três pontos e criar um ambiente para os grandes desafios que temos pela frente", afirmou o veterano.

O México disputou em sequência as últimas cinco edições do Mundial, caindo nas oitavas de final em todas elas. Agora, quer ir além. E Rafa Márquez aposta que conseguirá.

Copa 2014