Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Esportes

Esportes » Muricy minimiza revés do Flamengo e exalta testes no Nordeste

Futebol

Divulgação

esportes

futebol

Muricy minimiza revés do Flamengo e exalta testes no Nordeste

Equipe carioca foi derrotada pelo Ceará e Santa Cruz em amistosos

0

Estadão Conteúdo

24 Janeiro 2016 | 17h45

Após ser derrotado por 3 a 1 pelo Santa Cruz, neste domingo, o técnico Muricy Ramalho afirmou que o Flamengo ainda tem de melhorar muito. Mesmo assim, o treinador minimizou o peso do revés sofrido no estádio Arruda, em Recife.

"Temos que ajeitar bastante a equipe ainda, mas foi muito bom para fazer avaliação, já que nas situações de jogo nós vemos os defeitos do time e podemos crescer pra temporada. O que me deixou feliz foi o meio campo para frente no segundo tempo", disse Muricy.

"O que dá pra ver bem é como estamos coletivamente. Não dá pra ter só um time, mas um plantel. Pudemos sentir como vamos até o final do ano. Esses dois jogos foram ótimos para nós. Fez calor, mas é bom que sofremos um pouquinho. No geral foi bom para observações", acrescentou.

O Flamengo fez duas partidas amistosas na pré-temporada e levou seis gols. Na última quarta-feira, diante do Ceará, a equipe empatou por 3 a 3 e perdeu nos pênaltis. Para Muricy, ainda é necessária a chegada de um zagueiro para ser titular.

"Pra compor elenco temos vários zagueiros, a gente precisa de um ''de nível''. Não podemos contratar jogador mais ou menos, mas o mercado está difícil", comentou o treinador. "A base do time é essa, agora com o colombiano, mais um zagueiro que precisamos, mas o time já está com uma cara, uma base para o campeonato."

Para 2016, o Flamengo conta com os zagueiros Wallace, César Martins, Juan, Antonio Carlos e Dumas. A estreia do time na temporada acontece na próxima quarta-feira, na abertura da Copa Sul-Minas-Rio, contra o Atlético-MG no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, às 21h45.

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.