Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Esportes

Esportes » Nacional terá ao menos 8 desfalques em duelo do grupo do Palmeiras

Futebol

esportes

futebol

Nacional terá ao menos 8 desfalques em duelo do grupo do Palmeiras

Enquanto estiver em campo diante do River Plate-URU nesta quinta-feira, no Allianz Parque, o Palmeiras estará de olho também na outra partida do Grupo 2 da Libertadores, entre Nacional e Rosario Central, no Uruguai. Isso porque o time paulista não depende apenas de si para se classificar. Precisa vencer seu compromisso e torcer por uma vitória do Nacional. Só que a equipe uruguaia entrará em campo bem desfalcada contra o Rosario.

0

Estadão Conteúdo

13 Abril 2016 | 12h53

O técnico Gustavo Munúa já revelou que o Nacional terá ao menos oito ausências para encarar o Rosario Central. O lateral Fucile, suspenso, Gonzalo Porras, Sebastián Fernández, Matías Cabrera e Mathías Olivera, com caxumba, não têm condições de jogo. Já Esteban Conde, Santiago Romero e Nicolás López, grande destaque da equipe, estão pendurados com dois amarelos e também ficarão de fora.

"A princípio, a ideia é que eles (os pendurados) não joguem porque temos a oportunidades de preservá-los, já que estamos classificados e se eles levarem outro amarelo será um grande problema para o que vier nas oitavas", explicou o treinador.

Só que os desfalques não devem parar por aí. Preocupado com o desgaste físico de alguns jogadores, Munúa indicou que deverá fazer mais alterações. O zagueiro Victorino, que já passou pelo Palmeiras, é um dos que deverão ser poupados por questões físicas.

"Alguns levaram pancadas, e tivemos uma quantidade importante de partidas nas últimas semanas. Então, o plantel está encolhendo e temos problemas até para confirmar a lista de 18 relacionados. Mas vamos ver como chegamos para quinta-feira", comentou o treinador.

Com nove pontos e na ponta da chave, o Nacional está classificado às oitavas da Libertadores. Já o Palmeiras, terceiro colocado, com cinco, precisa vencer o River, torcer por uma derrota do Rosario, segundo lugar, com oito pontos, e ainda tirar uma diferença de três gols no saldo.

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.