1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

'Não existe chance de Neymar entrar em campo', afirma Runco

O Estado de S. Paulo

06 Julho 2014 | 20h 13

Segundo o chefe do departamento médico da seleção, pode trazer riscos à saúde do jogador, comprometendo o futuro do camisa 10

O chefe do departamento médico da seleção brasileira, José Luiz Runco, afirmou na noite deste domingo, em Teresópolis, que não existe qualquer possibilidade de Neymar entrar em campo em uma eventual final da Copa. "Em momento algum existe outra opção de tratamento. Ele precisa de um período de cicatrização", afirmou em entrevista concedida à Rede Globo.

Segundo o médico, colocar Neymar em campo pode trazer riscos à saúde do jogador, comprometendo o futuro do camisa 10 no futebol. "Se ocorrer outro impacto, a lesão estável vira uma lesao instável. Não vamos criar ilusões", disse.

Runco também comentou sobre a possibilidade de realizar infiltrações no local da fratura, hipótese levantada neste domingo. "Infiltração é uma metodologia antiga. Ela leva medicamentos que podem aparecer no antidoping", frisou. 

Fábio Motta/Estadão
Runco descarta a possibilidade de a seleção ter Neymar nos jogos finais da Copa

Neymar se contundiu após levar uma joelhada de Zuñiga nos minutos finais do jogo contra a Colômbia. O craque foi substituído imediatamente da partida e deixou o campo chorando. O jogador seguiu para um hospital em Fortaleza para avaliar a gravidade da lesão. Com a detecção da fratura em uma das vértebras, os médicos da seleção confirmaram que o atacante não tem mais condições de defender o Brasil na Copa.

O meia-atacante deixou a concetração da seleção brasileira no começo da tarde deste sábado. De helicóptero, seguiu para o Guarujá, onde ocorrerá a recuperação. Existe a ppossibilidade do craque acompanhar o jogo contra Alemanha, válido pela semifinal da Copa, no Mineirão. A partida será disputada na próxima terça-feira.

Copa 2014