1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Copa 2014

'Não poderia imaginar', diz herói da vitória dos EUA

AE - Agência Estado

17 Junho 2014 | 09h 25

Convocado para a Copa do Mundo após somente quatro partidas pela seleção principal dos Estados Unidos, John Brooks começou no banco diante de Gana, na última segunda-feira. A lesão de Besler, no entanto, fez com que entrasse no intervalo. Mal sabia o jovem de 21 anos que ele seria o herói da vitória por 2 a 1, na estreia pelo Grupo G, em Natal.

Brooks marcou, de cabeça, seu primeiro gol pelos Estados Unidos aos 40 minutos do segundo tempo, selando o resultado. Após a partida, mal podia acreditar. "Eu não poderia imaginar um melhor primeiro gol pela seleção, e o fato de ter nos feito ganhar faz tudo ainda melhor. É simplesmente maravilhoso", disse o empolgado jogador.

O gol que o tornou herói da importante vitória norte-americana fez com que Brooks fosse recepcionado com muita festa no vestiário após o apito final. "Foi um momento muito emocionante. Eu não estava esperando e só mostra a grande atmosfera que temos no elenco. Só posso ser muito grato a todos eles", disse o zagueiro.

A vitória deixou os Estados Unidos em boa situação no grupo, com três pontos, ao lado da Alemanha. Se vencerem Portugal domingo, na Arena Amazônia, e os alemães baterem Gana, no sábado, os norte-americanos estarão classificados às oitavas de final do Mundial.

Copa 2014