Assine o Estadão
assine

futebol internacional

No 2º jogo de Zidane, Real faz cinco de novo e embola o Espanhol

Time goleia o Gijón por 5 a 1, mas Bale e Benzema se machucam 

0

Estadão Conteúdo

17 Janeiro 2016 | 14h57

O Real Madrid definitivamente mudou de cara com a saída de Rafa Benítez e a chegada de Zinedine Zidane. Em sua segunda partida sob o comando do novo treinador, a equipe conseguiu mais uma goleada, novamente marcando cinco vez. Em casa, neste domingo, não teve misericórdia do Sporting Gijón e fez 5 a 1 pela 20.ª rodada do Campeonato Espanhol.

Esta é a primeira vez que um técnico do Real vê a equipe marcar 10 gols em suas duas partidas iniciais desde 1928, prova de que Zidane mudou mesmo a realidade por lá - na estreia, havia visto a equipe fazer 5 a 0 no Deportivo La Coruña. A lamentar, somente as lesões de Gareth Bale e Benzema, que foram destaques do primeiro tempo, mas precisaram ser substituídos.

O triunfo também colocou o Real entre os líderes do campeonato. Os madrilenhos agora somam 43 pontos, um atrás do líder Atlético e um à frente do Barcelona. Vale lembrar, no entanto, que os dois rivais ainda atuam na rodada e o Barça tem um outro jogo a menos, por conta do Mundial de Clubes. O Sporting Gijón, por sua vez, é somente o penúltimo colocado, com 15 pontos.

O show madrilenho começou cedo e logo aos seis minutos, o time abriu o placar. Depois de marcar três vezes diante do La Coruña, Bale voltou a mostrar seu faro de artilheiro aos seis minutos. Toni Kroos bateu escanteio pela direita e o galês se antecipou ao goleiro e cabeceou para a rede.

Tomar o gol tão cedo pareceu ter desestabilizado o Sporting, porque a equipe apagou em campo e sofreu outros três gols nos 11 minutos seguintes. Aos oito, após saída errada da defesa do Sporting, Benzema encontrou Cristiano Ronaldo, que virou batendo de esquerda, forte, sem chances para o goleiro.

Depois da ótima assistência, chegou a hora de Benzema marcar o dele, em um golaço. Aos 11, Bale fez boa jogada pela direita e cruzou. O francês emendou um lindo voleio no canto esquerdo. Já aos 17, sempre pelo lado direito do campo, o Real chegou ao quarto. Carvajal avançou e cruzou na medida para Cristiano Ronaldo, que desviou para a rede.

Somente quando a vitória virou goleada, o Real finalmente diminuiu o ritmo e passou a administrar a vantagem. Mesmo assim, chegou ao quinto gol ainda na primeira etapa. Isco fez linda jogada, tirou o zagueiro e deu enfiada perfeita para Benzema, que tocou na saída do goleiro, aos 40 minutos.

Sem Bale para o segundo tempo, o time da casa finalmente caiu de produção e permitiu que o Sporting Gijón atacasse. E os visitantes marcaram um gol de honra aos 16 minutos. Após linda jogada de Jony pela esquerda, Isma López, livre, só teve o trabalho de bater para o gol.

Comentários