1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Nos EUA, reforços do Cruzeiro buscam espaço no time

AE - Agência Estado

17 Junho 2014 | 17h 49

Campeão brasileiro no ano passado e considerado um dos elencos mais fortes do país, o Cruzeiro não para de se reforçar. Recém-apresentados, o meia Marquinho, o atacante Neilton e o zagueiro Manoel falaram nesta terça-feira antes da viagem da equipe para os Estados Unidos, onde a equipe fará intertemporada entre os dias 18 de junho e 7 de julho.

Marquinhos, que veio do Vitória, se diz feliz pela proposta que recebeu da equipe mineira. A atleta de 24 anos revela já ter tido uma conversa com o treinador Marcelo Oliveira. "O Marcelo tentou passar tranquilidade para que a gente possa ajudar a equipe a manter o bom trabalho", contou. Com passagens frustradas por Palmeiras e Flamengo, o jogador tenta impulsionar a carreira com a nova chance.

Já Neilton chega depois de um imbróglio com o Santos por conta de questões contratuais. O jovem de 20 anos disse que espera encontrar seu espaço no time como um "bom mineiro". "Quero conquistar meu espaço pelos cantinhos e deixar que o Marcelo decida", brincou.

Mais badalado entre os três reforços, Manoel se definiu como "um zagueiro elegante, que gosta de um toque diferente". O zagueiro de 24 anos, ex-Atlético Paranaense, teve 40% de seus direitos econômicos adquiridos pela equipe mineira, que tem a opção de comprar os outros 60% no período de um ano, e se diz confortável com a posição de principal reforço para o segundo semestre. "Sei da minha responsabilidade e não vou fugir dela. Farei o meu máximo para ajudar o Cruzeiro", afirmou.

Com a contratação dos três atletas, o presidente Gilvan Tavares considera que o elenco está fechado, "a não ser que apareça alguma negócio excepcional que não se possa recusar". O dirigente revelou que os três reforços já têm o visto americano e participarão da excursão para os Estados Unidos, onde a equipe mineira disputará cinco amistosos.