Sérgio Moraes/Reuters
Sérgio Moraes/Reuters

Olheiros de Tite vão a campo para a próxima lista da seleção

Analistas de desempenho da comissão do treinador vão acompanhar jogos da Arena Corinthians e na Arena do Grêmio

O Estado de S.Paulo

30 Julho 2017 | 07h02

Analistas de desempenho da seleção brasileira a serviço de Tite estarão presentes neste domingo na Arena Corinthians e na Arena do Grêmio para acompanhar os dois principais jogos da rodada do Brasileirão. Eles vão avaliar potenciais convocados para as duas próximas partidas das Eliminatórias da Copa da Rússia, diante de Equador e Colômbia.

Com o Brasil já classificado para o Mundial de 2018, a comissão técnica quer aproveitar os últimos quatro jogos da seleção nas Eliminatórias para testar jogadores. Em São Paulo, os dois goleiros que estarão em campo são apontados como prováveis convocados: Cássio, em boa fase no Corinthians, e Diego Alves, que estreia pelo Flamengo. 

Além deles, três jogadores de linha também têm chances de estarem na próxima lista. O lateral corintiano Fagner é jogador de confiança de Tite, enquanto os meias Rodriguinho, também do time paulista, e Diego, do carioca, têm sido dois dos principais nomes do Brasileirão.

Em Porto Alegre, os analistas estarão de olho nos gremistas Geromel e Luan. No Santos, além de Lucas Lima – que esteve na última relação do treinador – o goleiro Vanderlei é outro que pode ser convocado.

Ainda neste domingo, o auxiliar técnico da seleção, Cleber Xavier, e o preparador físico, Fábio Mahseredjian, acompanharão a partida entre Roma e Juventus, em Boston. A dupla está nos Estados Unidos desde o início da semana de olho na pré-temporada de equipes europeias. Na próxima semana, eles vão para a Alemanha a fim de ver os jogos da Copa Audi, em Munique.

“O Tite cobra muito que o atleta esteja na sua plenitude física para estar apto a servir à seleção”, disse Mahseredjian. “Nosso objetivo é avaliar essa retomada de temporada para tirarmos nossas conclusões para a convocação de agosto.”

O próximo chamamento da seleção deverá acontecer na segunda semana de agosto, provavelmente no dia 11.

Mais conteúdo sobre:
Seleção Brasileira futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.