Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Ônibus quebra e time do Vasco chega ao estádio de São Januário em sete táxis

Transporte oficial do clube enguiçou na zona oeste da capital carioca

Estadao Conteudo

27 Maio 2017 | 17h18

Uma cena inusitada aconteceu no estádio de São Januário, no Rio, antes do início do clássico do Vasco contra o Fluminense, neste sábado, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Os jogadores e a comissão técnica vascaína chegaram ao local da partida em sete táxis, uma vez que o ônibus oficial do clube enguiçou na Linha Amarela na altura do Barra Music, na Barra da Tijuca, que fica na zona oeste da capital carioca.

A cena surpreendeu os torcedores que esperavam no portão 9 pela chegada da delegação. Os jogadores e membros da comissão técnica foram divididos em táxis com a preocupação de que não haveria tempo hábil para o conserto do ônibus. A fileira de táxis amarelos chamou a atenção e chegou ao estádio às 14h55, cerca de 20 minutos depois do planejado. Dez minutos mais tarde, o ônibus, já recuperado, também chegou.

O fato inesperado, em princípio, gerou preocupação dos dirigentes que alertaram o trio de arbitragem - comandado pelo paulista Raphael Claus, sobre um possível atraso.

Este clássico também é cercado por cuidados de segurança. A Polícia Militar destacou 370 homens para a segurança interna e externa, inclusive, para a escolta de cerca de 900 torcedores do Fluminense que saíram do Maracanã indo para São Januário. O clássico não acontecia há 12 anos no estádio cruzmaltino.

Mais conteúdo sobre:
futebol Vasco Fluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.