Mauro Horita|Divulgação
Mauro Horita|Divulgação

Pais de Rafael Longuine, do Santos, morrem em acidente no Paraná

Jogador foi liberado das atividades da equipe

Estadão Conteúdo

02 Maio 2017 | 13h42

O Santos confirmou nesta terça-feira o falecimento dos pais do meia Rafael Longuine. Eles foram duas das quatro vítimas de um acidente sofrido no interior do Paraná, em uma rodovia. O jogador foi liberado das atividades da equipe pela comissão técnica.

O acidente envolvendo os pais de Longuine ocorreu na rodovia BR-376, em Alto Paraná, no noroeste do Paraná. A batida fatal envolveu o carro onde estavam os pais do jogador e mais uma mulher com um caminhão e seu motorista. Todos os quatro envolvidos faleceram.

"O Santos FC lamenta falecimento dos pais do atleta Rafael Longuine, Maria Fátima de Carvalho Longuine e Wellington Longuine, bem como as demais vítimas do acidente, que aconteceu na rodovia BR-376, em Alto Paraná, no noroeste do Paraná. O Santos FC dispensou prontamente o jogador e prestará todo o apoio superar esse difícil momento", anunciou o clube no seu perfil na rede social Twitter.

Além de lamentar o acidente, o Santos também agradeceu o apoio que vem sendo enviado ao jogador e ao clube desde o momento da confirmação da tragédia. "Agradecemos todas as mensagens. Força, Rafael Longuine! Sinta-se abraçado por toda a nação santista nesse momento tão difícil! Agradecemos também as mensagens de torcedores de outros clubes que deixaram a rivalidade de lado. Estamos juntos, Longuine!", disse.

O Santos, além de liberar Longuine, definiu que o atacante Ricardo Oliveira fará um pronunciamento sobre a tragédia às 14h30 desta terça-feira no CT Rei Pelé, quando prestará a sua solidariedade e a de todo o grupo ao companheiro de clube.

Apesar da tragédia, o Santos manteve a sua programação de treinos nesta terça e também na quarta-feira. O time volta a entrar em campo na quinta-feira, às 21h45, quando vai receber o Indepediente Santa Fe pela quarta rodada do Grupo 2 da Copa Libertadores - o time paulista lidera a chave com cinco pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.