Fábio Menotti|Agência Palmeiras
Fábio Menotti|Agência Palmeiras

Por R$ 10 milhões, Palmeiras anuncia contratação de Juninho até 2022

Zagueiro chega para repor a saída de Vitor Hugo, transferido para Fiorentina

O Estado de S. Paulo

16 Maio 2017 | 19h35

O Palmeiras anunciou na noite desta terça-feira a contratação do zagueiro Juninho até abril de 2022. Para ficar com o jogador, o clube desembolsou 3 milhões de euros (aproximadamente R$ 10,3 milhões) e não contou com aporte financeiro da Crefisa - patrocinadora do clube.

O atleta chega para repor a saída de Vitor Hugo, que foi vendido por cerca de R$ 27 milhões para a Fiorentina, da Itália, e não treinou com o elenco nos últimos dias. Aos 22 anos, Juninho, que deixou o Coritiba, se junta aos defensores Edu Dracena, Mina, Antônio Carlos, Thiago Martins e Luan no time alviverde. 

"É um desafio muito grande. Joguei contra no ano passado e acompanhei bastante. O Palmeiras, de fato, teve a melhor defesa do país. Farei de tudo para manter essa fama de melhor defesa em todas as competições que disputarmos", afirmou.

Juninho vê a trajetória do ídolo Alex, que também se destacou na equipe paranaense antes de jogar no Palmeiras, como exemplo a ser seguido. "Vim ao Palmeiras para mostrar o meu futebol e seguir os passos do Henrique zagueiro e do Alex, que tiveram bastante sucesso aqui. Quero fazer com que essa fama de jogadores do Coxa aqui no clube continue. Venho com a intenção de brilhar como eles brilharam", afirmou.

Zagueiro de origem, Juninho também se coloca à disposição do técnico Cuca para atuar como lateral-esquerdo. "Jogador hoje em dia precisa fazer mais de uma função. Ano passado, fiz a lateral esquerda pelo Coritiba e, se o professor Cuca precisar, estou à disposição. Isso aumenta minha competitividade", declarou.

 

Mais conteúdo sobre:
futebol Palmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.