Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Pottker marca na estreia, mas Inter só empata com o ABC em casa pela Série B

Artilheiro faz o gol colorado no empate em 1 a 1 no Beira-Rio

Estadão Conteúdo

20 Maio 2017 | 21h18

Quase 30 mil torcedores viram o atacante William Pottker estrear marcando gol com a camisa do Internacional, mas também assistiram o time apenas empatar com o ABC por 1 a 1, no Beira Rio, em Porto Alegre, neste sábado, pela segunda rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Apesar do tropeço, o time gaúcho segue dentro do G4, a zona de acesso, em quarto lugar, com quatro pontos. O ABC, por sua vez, contabilizou seu segundo empate e está no meio da tabela, em décimo lugar.

A grande novidade do Inter foi a estreia de William Pottker no comando de ataque ao lado de Nico Lopez. O ex-atacante da Ponte Preta, artilheiro do último Brasileiro (14 gols) e do Paulistão (nove), comandou a blitz do Inter no começo. Em um intervalo de dez minutos, os gaúchos criaram inúmeras chances de gol e assustaram o goleiro Edson. Na principal delas, após grande jogada pela direta, Pottker tentou por cobertura, mas Oswaldo apareceu em cima da linha para salvar o time potiguar.

O tempo foi passando e o ABC tentando sair da zona de pressão, mas a qualidade dos homens de ataque do Inter fez a diferença. Marcelo Cirino e Nico López seguiram desperdiçando oportunidades claras cara a cara com o goleiro Edson. Em meio a avalanches de gols perdidos e pressão, o Inter abriu o placar apenas aos 44 minutos. Depois de cruzamento da direita, Pottker se esticou na segunda trave e completou para o fundo das redes.

Na volta dos vestiários, o Inter manteve a mesma pegada e se manteve no ataque. D'Alessadro e Nico López desperdiçaram boas oportunidades antes dos cinco minutos. Logo em seguida, o zagueiro Cuesta exigiu grande defesa de Edson em finalização de fora da área.

Aos poucos, o ABC conseguiu equilibrar as ações e passou a levar perigo em contra-ataques - em um deles, Zotti chegou a marcar, mas estava em posição irregular. O tempo foi passando e o Inter diminuindo seu ritmo. Desta forma, os visitantes cresceram empurrados pelas mudanças do técnico Geninho.

Justamente em uma jogada dos homens que vieram do banco de reservas, o ABC empatou. Dalberto fez grande jogada individual pela direita e cruzou rasteiro. Adriano Pardal apareceu livre na segunda trave e completou para o fundo das redes aos 32 minutos.

No final, o Inter voltou a se lançar ao ataque e desperdiçou um grande número de chances. Nos minutos finais, o goleiro Edson defendeu cabeçadas de Nico López e Roberson e saiu de campo como herói.

Os dois times voltam a campo no próximo sábado, às 16h30. O Inter encara o Paysandu, no Mangueirão, em Belém, enquanto o ABC recebe o Vila Nova, no Frasqueirão, em Natal.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 x 1 ABC

INTERNACIONAL - Daniel; William, Léo Ortiz, Cuesta e Uendel (Carlinhos); Rodrigo Dourado, Felipe Gutiérrez (Roberson) e D'Alessandro; Marcelo Cirino (Diego), William Pottker e Nico López. Técnico: Antônio Carlos Zago

ABC - Edson; Bocão (Levy), Oswaldo, Cleiton e Eltinho; Felipe Guedes, Anderson Pedra, Gegê e Zotti (Adriano Pardal); Erivélton (Dalberto) e Nando. Técnico: Geninho

GOLS - William Pottker, aos 44 minutos do primeiro tempo, e Adriano Pardal, aos 32 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Bruno Arleu de Araújo (RJ)

CARTÕES AMARELOS - Anderson Pedra e Adriano Pardal (ABC)

RENDA - R$ 516.688.

PÚBLICO - 23.621 pagantes (27.605 total).

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.