Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Presidente do Corinthians vê 'relaxamento natural' e aponta falta de concentração

Líder, com folga de nove pontos sobre o segundo colocado, a equipe paulista perdeu quatro dos últimos nove jogos

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

17 Outubro 2017 | 15h58

O presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, afirmou nesta terça-feira que o time vive um momento de "relaxamento" natural no Campeonato Brasileiro. Líder, com folga de nove pontos sobre o Grêmio, segundo colocado, a equipe paulista perdeu quatro dos últimos nove jogos.

Queda técnica dos ‘alicerces’ deixa Carille em apuros no Corinthians

Para ele, o Corinthians está menos concentrado. "Na minha opinião, o Corinthians teve uma queda de concentração", disse o presidente, na zona mista após o sorteio dos grupos do Campeonato Paulista, na sede da Federação Paulista de Futebol.

"São os mesmos jogadores, nos treinos todos se dedicam bastante, é natural o relaxamento por conta do percurso até aqui. A concentração baixou um pouquinho, mas nesta quarta é o dia certo para a gente somar os três pontos."

O discurso do cartola destoa do de jogadores do time, como o goleiro Cássio, que nega a existência de uma queda de rendimento na equipe. Na segunda, o jogador fez questão de ressaltar que, apesar das críticas, o time ainda é líder e com sobras no Nacional.

Após a derrota para o Bahia por 2 a 0 no último domingo, o Corinthians volta campo nesta quarta-feira para enfrentar o Grêmio, em casa, numa disputa direta pelo título.

Mais conteúdo sobre:
Corinthians Roberto de Andrade

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.